PNEE – Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais


Conforme comentário feito por Aldemira (Amazonas) no dia 25 de agosto sobre o texto “Primeiro faz depois pensa”: Adorei este texto e quem tiver/souber de livros, revistas, sites e textos referentes ao trabalho educacional com crianças especiais (PNEE) e as novas tecnologias, por favor, não esqueçam de mim. Irei fazer estudos e pesquisas nesta área, para a monografia da Especialização: Tecnologias em Educação.

Referências bibliográficas

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Diário Oficial da União de 23 de dezembro de 1996.
BRASIL, MEC/SEESP. Programa de Capacitação de Recursos Humanos do Ensino Fundamental: deficiência auditiva. Série Atualidades Pedagógicas, nº 4, V.I, Brasília, 1997.
BRASIL, MEC/SEESP. Política Nacional de Educação Especial. Brasília, 1994.
BRASIL. Estatuto da Criança e do Adolescente. Lei nº 8.068 de 13 julho de 1990.(ementa). Diário Oficial da União de 13 de julho de 1990.
Boletim da Federação Nacional das APAEs. InformAPAE. ANO VII. Fevereiro e Abril de 2001.

CARVALHO, Edler Rosita. Removendo barreiras para a aprendizagem. Porto Alegre: Mediação, 2002
CLAURE, Mônica. A identificação da deficiência: em busca do diagnóstico preciso.In:Revista Espaço, Rio de Janeiro, n. 10, julho/dez, 1998. p. 24- 29.
COLL, César; PALÁCIOS, Jesús e MARCHESI, Álvaro (Org.) Desenvolvimento Psicológico e educação: necessidades educativas especiais e aprendizagem escolar Porto Alegre: Artes Médicas. v.3, p. 7 – 23.

CORAZZA, Sandra M. História da Infância sem fim. Ijuí/RS: Ed. Unijuí, 2000.
CORRÊA, Jardelina Montalvão. A Família numa visão da metodologia áudio+visual de linguagem oral para crianças com perda auditiva. In: Revista Espaço, Rio de Janeiro, n. 12, julho/dez, 1999. p. 13- 25.
COSTA, Antonio C. Gomes. Educação e Participação do CEMPEC
DECLARAÇÃO de Salamanca e Linha de Ação sobre Necessidades Educativas Especiais. (1994, Salamanca). Brasília: CORDE, 1997.

Diversidade na Educação. Brasília: Ministério da Educação/Secretária de Educação Especial. N. 21. p.11-18. 1º semestre de 1999.

Evans, P. (1999) Algumas implicações da obra de Vygotsky na Educação Especial. In: Daniels, H. (org.). (1999). Vygotsky em foco: pressupostos e desdobramentos. Campinas,SP: Ed. Papirus, p.69-89.
EWALD, François. Foucault, a Norma, e o Direito. Lisboa: Veja, 1993.
Federação Nacional das APAEs. APAE Educadora: a escola que buscamos. Brasília: fevereiro, 2001.

FERREIRA, Júlio Romero. A exclusão da diferença: a educação do portador de deficiência. Piracicaba: Unimep, 1993.

FONSECA, Vitor da. Educação Especial: Programa de intervenção precoce. Porto Alegre: Cortez, 1996.
FOUCAULT, Michael. O corpo dos condenados. In: _____. Vigiar e Punir. 22º ed. Petrópolis: Vozes, 2000a. p.09-60.
_____. Os corpos dóceis. In: _____. Vigiar e Punir. 22º ed. Petrópolis: Vozes, 2000a. p.117-142.
_____. As regularidades discursivas. In: _____. A Arqueologia do Saber. 6º ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000b. p. 21-85.
_____. O enunciado e o arquivo. In: _____. A Arqueologia do Saber. 6º ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000b. p. 87-154.
_____. Lex Anormaux. Paris: Gallimard/Seuil, 1999.
_____. O Nascimento da Biopolítica. In:______. Resumo dos Cursos do Collège de France. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1997. p.87-97.
_____. Sobre a história da sexualidade. In: _____. Microfísica do poder. 12º ed. Rio de Janeiro: Graal, 1996. p. 243-276.
_____. História da Sexualidade.Vol.1: a vontade de saber. Rio deJaneiro: Edições Graal, 1988.
GADOTTI, M. Escola Cidadã. SP: Cortes, 1995.

GRACIANI, M. Pedagogia Social de Rua: analise e sistematização de uma experiência vivida. SP: Cortês: Instituto Paulo Freire, 1997.

INTEGRAÇÃO. Brasília: Ministério da Educação – Secretaria de Educação Especial, julho/agosto de 1989.

JODELET, Denise (org) As representações sociais. Rio de Janeiro: EDUERJ
______________ A alteridade como produto e processo psicossocial. In.: ARRUDA, Ângela.Representando a alteridade. Petrópolis: Vozes, 2002, p.47-67.

MACHADO, Roberto et alli. Danação da Norma: medicina social e constituição da psiquiatria no Brasil. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1978

MANTOAN, Maria Teresa Eglér. Os sentidos da integração e da inclusão, no contexto da inserção escolar de deficientes. Em: Somos Diferentes – Revista Prática e Teoria, Ano I nº 5 Jul / Ago de 1997.
MARCHESI, A. e MARTIN, L. Da terminologia do distúrbio às necessidades educacionais especiais. IN: COLL, César; PALÁCIOS, Jesús e MARCHESI, Álvaro (Org.) Desenvolvimento Psicológico e educação: necessidades educativas especiais e aprendizagem escolar Porto Alegre: Artes Médicas, 1995. v.3, p. 7 – 23.
MOLL, Jaqueline. Alfabetização possível: Reinventado o ensinar e o aprender. Porto Alegre: Mediação, 1996.
MURILLO, Suzana. El Discurso de Foucault: estado, loucura y anormalidad e la construcción del individuo moderno. Buenos Aires: Oficina de Publicaciones Ciclo básico Común, 1997.
NOGUEIRA, Madza Zulita. Todos pela Educação no Município: um desafio para cidadãos. Brasília, UNICEF / CEPIP, 1993.

OESSELMANN, D. Retratos da Amazônia: caminhos para analise da situação da infância e adolescência – Belém, 2000.

ONG: parceria dafamília – SP: CEMPEC, 1999.

PARO, Vítor Henrique. Reprovação Escolar: renúncia à educação. SP: Xamã, 2001.

OSÒRIO. Antônio Carlos do Nascimento. Projeto Pedagógico: o pensar e o fazer. Integração.

Passerino, L. e Santarosa L.M C. (2002). REDESPECIAL-BRASIL e Universidade Luterana do Brasil, um relato de experiência. III Congresso Iberoamericano de Informática na Educação Especial 2002 – CIEE2002. Fortaleza.

Passerino, L. e Santarosa L.M C. (2003) Inclusão Digital de Pessoas com necessidades educacionais especiais:EDUKITO. 8º Taller Internacional de Software Educativo TISE 2003 Santiago do Chile, Chile 24-26 de novembro.

PESSOTTI, Isaías. Deficiência Mental: da superstição à ciência. São Paulo: Edusp, 1994.

PRIETO, Rosangela Gavioli. Revista de Educação, [S1], n.16, mar. 2003
______________ Atendimento escolar de alunos com necessidades educacionais especiais: um olhar sobre as políticas públicas de educação no Brasil. In. ARANTES Valéria Amorim (org). Inclusão escolar. São Paulo: summus, 2006, p.31-69.

ROSS, Paulo Ricardo. Educação Inclusiva: da ideologia neoliberal às possibilidades e limites concretos. Ponto de Vista. Cidadania – Modernidade – Deficiência. Florianópolis: Revista do curso de Pedagogia séries iniciais – Habilitação Educação especial do Projeto Magister/UFSC. V.2. p. 48-52, Janeiro/fevereiro de 2000.
SEM DISTINÇÃO. EDUCAÇÃO. São Paulo: s.n, s.d..p. 39, 1999.

Santarosa, L.M.C. (1997)Escola Virtual para a Educação Especial: ambientes de aprendizagem telemáticos cooperativos como alternativa de desenvolvimento. Revista Ibero-latino-americana. Colombia: , v.10, n.1, p.115 – 138.

Santarosa, L.M.C. (1999). Novos desafios para Educação na criação de ambientes de aprendizagem Telemáticos. Anais da I Conferência Internacional de Tecnologias da Informação e da Comunicação – Challenges99. Portugal – Braga, p.74-75

Santarosa, L.M.C. (2000). Ambientes de aprendizagem virtuais para a inclusão social depessoas com necessidades educativas especiais. Tecnologia e Humanismo. Murcia-Espanha: , v.I, p.319 – 323.

SANTAROSA, L. M. C. PASSERINO, L. M., CARNEIRO, M. L., GELLER, M. Formação de Professores a Distância e em Serviço: Ambiente TelEduc no Projeto Nacional de Informática na Educação Especial do MEC. In: Revista Informática na Educação: Teoria e Prática, v. 4 n. 2,Dezembro, 2001.
Santarosa, L. M. Inclusão Digital: espaço possível para pessoas com necessidades educativas especiais. Cadernos de Educaçaõ Especial, Univ. Federal de Santa Maria, v.20, p. 13-30, 2002

SANTOS, Mônica Pereira dos. Educação Inclusiva e a Declaração de Salamanca:conseqüências ao sistema educacional brasileiro. Integração. n. 22, p.34 – 40, 2000.
SILVA, Tomaz Tadeu. O adeus as metanarrativas educacionais. In:_____ (org). O sujeito da educação: estudos foucaultianos. Petrópolis: Vozes, 1999. p.247-258.
_____. A política e a epistemologia da normalização do corpo. In: Revista Espaço, Rio de Janeiro, n. 8, julho/dez, 1997.p. 3- 15.
SKLIAR, Carlos B. Os Estudos Surdos em educação: problematizando a Normalidade. In: _______. A surdez um olhar sobre as diferenças. Porto Alegre: Mediação, 1998. p. 7-32.
STAINBACK, Susan e STAINBACK, William. Inclusão: um guia para educadores. Porto Alegre: Artes Médicas, 1999.
UNICEF, A Infância Brasileira nos Anos 90 / Fundos das Nações Unidas para a Infância– Brasília, DF, 1998.
VEIGA-NETO, Alfredo. Michael Foucault e os Estudos Culturais. In: COSTA, Marisa Vorraber. Estudos Culturais em Educação: mídia, arquitetura, brinquedo, biologia, literatura, cinema. Porto Alegre: Ed. Universidade/UFRGS, 2000. p.37-69
VYGOTSKY, L. S Obras Escogidas: Fundamentos de Defectologia. Tomo V. Madrid: Visor, 1997.
ZABALA, A. A Prática Educativa: como ensinar. Porto Alegre: ArtMed, 1998

Endereços eletrônicos de artigos, monografias e sites

http://www.redespecial.org.br/

http://www.educacaoonline.pro.br/art_medicalizacao.asp?f_id_artigo=466#_ftn2

http://64.233.167.104/search?q=cache:CVzRJqsRyS0J:www.icpg.com.br/artigos/rev03-03.pdf+%22pnee%22&hl=pt-BR&ct=clnk&cd=3&gl=br&lr=lang_pt

http://www.unilestemg.br/popp/artigo_educ_inclu_cidad.html

http://64.233.167.104/search?q=cache:rg7vNjxGkm8J:www.ufes.br/~proex/arquivos/publicacoes_cultura_grupo_parafolclorico_beatos_do_espirito_santo.pdf+%22pnee%22&hl=pt-BR&ct=clnk&cd=20&gl=br&lr=lang_pt

http://www.tise.cl/archivos/tise2003/papers/inclusao_digital_de_pessoas_edukito.pdf

http://64.233.167.104/search?q=cache:i2YOfFDamGYJ:www.niee.ufrgs.br/ciiee2003/COMUNICACIONES/BLOQUE%25203/Edukito%2520Ambiente%2520de%2520educacao%2520ea%2520distancia%2520para%2520a%2520inclusao%2520di.doc+%22pnee%22&hl=pt-BR&ct=clnk&cd=36&gl=br&lr=lang_pt

http://64.233.167.104/search?q=cache:xwed4NPx4dIJ:www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/113.pdf+%22pnee%22&hl=pt-BR&ct=clnk&cd=38&gl=br&lr=lang_pt

http://64.233.167.104/search?q=cache:Z58_-33z_7kJ:www.ufmg.br/congrext/Educa/Educa165.pdf+%22pnee%22&hl=pt-BR&ct=clnk&cd=40&gl=br&lr=lang_pt

http://coralx.ufsm.br/revce/ceesp/2001/02/a5.htm

http://www.ilhasolteira.com.br/colunas/index.php?acao=verartigo&idartigo=1140571147
Conforme comentário feito por Aldemira no dia 25 de agosto sobre o texto “Primeiro faz depois pensa”: Adorei este texto e quem tiver/souber de livros, revistas, sites e textos referentes ao trabalho educacional com crianças especiais (PNEE) e as novas tecnologias, por favor, não esqueçam de mim. Irei fazer estudos e pesquisas nesta área, para a monografia da Especialização: Tecnologias em Educação.

Referências bibliográficas
Leia em www.cybelemeyer.blogspot.com

Endereços eletrônicos de artigos, monografias e sites
Leia em www.cybelemeyer.blogspot.com

7 thoughts on “PNEE – Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais

  1. Gostaria que se fosse possível me orientasse as maneiras mais possiveis pra se trabalhar com autista leve e severo em sala de aula. Obrigada

    Cybele Reply:

    Olá Claudia, tudo bem?

    Esta sugestão também já está anotado.
    Obrigada novamente!
    beijinhos e sinta-se em casa para navegar e comentar.
    🙂

    Cybele Reply:

    Olá Claudia, tudo bem?

    Já coloquei na pauta a matéria sobre autismo.
    Obrigada por participar.
    beijinhos e volte sempre

  2. Quero pedi a toda esta equipe que é maravilhosa que comentem mais esta tema Portadores de Necessida de Especiais, como projetos especiais, teatro, aulas lúdicas para esta turma que além de especial é amavél.

    Cybele Reply:

    Olá Cláudia, tudo bem/

    Pode deixar que já está anotado e em breve terá postagens com este tema.
    Obrigada por contribuir com o crescimento do Educa Já!
    beijinhos e continue nos acompanhando
    Cybele Meyer

  3. Gostaria que fosse enviado materiais sobre surdez e como o surdo se alfabetiza, pois minhas pesquisas são na área da surdez.
    Obrigada

  4. Gostaria de saber quais são os Portadores de necessidades educacinais especiais que tem direito a aposentadoria?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *