Músicas Infantis

Sugestão da Professora Deolinda Pereira da Mata da cidade de Icó – CE
Letras de Músicas Infantis.

Lindo Balão Azul
Guilherme Arantes
gravação : Moraes Moreira /Baby Consuelo/Ricardo Graça Melo / Bebel /Aretha

Eu vivo sempre no mundo da lua
Porque sou um cientista
O meu papo é futurista
E lunático
Eu vivo sempre
No mundo da lua
Porque tenho uma alma de artista
Sou um gênio sonhador
E romântica
Eu vivo sempre
No mundo da lua
Porque sou aventureiro
Desde o meu primeiro passo
Pro infinito
Eu vivo sempre
No mundo da lua
Porque sou inteligente
Se você quer vir com a gente
Venha
Que será um barato
Pegar carona nessa calda de cometa
Ver a Via Láctea estrada tão bonita
Brincar de esconde-esconde numa nebulosa
Voltar pra casa
Nosso lindo balão azul
Nosso lindo balão azul

Gruta das formigas

Refrão:
Marshmelow, chocolate, caramelo, chantily
Quanta criança com cobertura
Doces melhores eu nunca vi
Quando me lembro que posso comer uma dessas delicinhas
Meu corpo todo começa a tremer
E eu não consigo me agüentar
Tanta doçura é tentação demais
Pra cabeça de qualquer formiga
Meus olhos já tão pegando fogo
Eu sinto aquele frio na barriga

Refrão
Vem, vê se pega, não me pega, nem me pegará
Pode correr, tente agarrar
Quanto mais você me esfrega
Mais o doce escorrega

O Carimbador Maluco
Raul Seixas

– Parem! Esperem aí.
Onde é que vocês pensam que vão?
Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!!
Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!!
Tem que ser selado, registrado, carimbado
Avaliado, rotulado se quiser voar!
Se quiser voar….
Pra Lua: a taxa é alta,
Pro Sol: identidade
Vai já pro seu foguete viajar pelo universo
É preciso meu carimbo dando o sim,
Sim, sim, sim.
O seu Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!
O seu Plunct Plact Zum
Não vai a lugar nenhum!
Mas ora, vejam só, já estou gostando de vocês
Aventura como essa eu nunca experimentei!
O que eu queria mesmo era ir com vocês
Mas já que eu não posso:
Boa viagem, até outra vez.
Agora…
O Plunct Plact Zum
Pode partir sem problema algum
O Plunct Plact Zum
Pode partir sem problema algum

(Boa viagem, meninos.
Boa viagem).

A Arca de Noé
Vinicius de Moraes & Toquinho

Aula de piano

Depois do almoço na sala vazia
A mãe subia pra se recostar
E no passado que a sala escondia
A menininha ficava a esperar
O professor de piano chegar
E começava uma nova lição
E a menininha, tão bonitinha
Enchia a casa feito um clarim
Abria o peito, mandava brasa
E solfejava assim
Ai, ai, ai
Lá, sol, fá, mi, ré
Tira a mão daí
Dó, dó, ré, dó, si
Aqui não dá pé
Mi, mi, fá, mi, ré
E a agora o sol, fá
Pra lição acabar
Diz o refrão quem não chora não mama
Veio o sucesso e a consagração
E finalmente deitaram na fama
Tendo atingido a total perfeição
Nunca se viu tanta variedade
A quatro mãos em concertos de amor
Mas na verdade, tinham saudade
De quando ele era seu professor
E quando ela menina e bela
Abria o berrador

A foca

Quer ver a foca
Ficar feliz?
É por uma bola
No seu nariz.
Quer ver a foca
Bater palminha?
É dar a ela
Uma sardinha.
Quer ver a foca
Comprar uma briga?
É espetar ela
Na barriga!
Lá vai a foca
Toda arrumada
Dançar no circo
Pra garotada.
Lá vai a foca
Subindo a escada
Depois descendo
Desengonçada.
Quanto trabalha
A coitadinha
Pra garantir
Sua sardinha.

A porta

Sou feita de madeira
Madeira, matéria morta
Não há nada no mundo
Mais viva do que uma por…ta
Eu abro devagarinho
Pra passar o menininho
Eu abro bem com cuidado
Pra passar o namorado
Eu abro bem prazenteira
Pra passar a cozinheira
Eu abro de sopetão
Pra passar o capitão
Eu fecho a frente da casa
Fecho a fren…te do quartel
Fecho tudo no mun…..do
Só vivo aberta no céu!

A pulga

Um, dois, três
Quatro, cinco, seis
Com mais um pulinho
Estou na perna do freguês
Um, dois, três
Quatro, cinco, seis
Com mais uma mordidinha
Coitadinho do freguês
Um, dois, três
Quatro, cinco, seis
Tô de barriguinha cheia
Tchau, Good bye, Auf Wedersehen

As abelhas

A abelha mestra
E as abelhinhas
Estão todas prontinhas
Pra ir para a festa.
Num zune que zune
Lá vão pro jardim
Brincar com a cravina
Valsar com o jasmim.
Da rosa pro cravo
Do cravo pra rosa
Da rosa pro favo
E de volta pra rosa.

Venham ver como dão mel
As abelhas do céu

A abelha rainha
Está sempre cansada
Engorda a pancinha
E não faz mais nada
Num zune que zune
Lá vão pro jardim
Brincar com a cravina
Valsar com o jasmim.
Da rosa pro cravo
Do cravo pra rosa
Da rosa pro favo
E de volta pra rosa.

Venham ver como dão mel
As abelhas do céu

Menininha

Menininha do meu coração
Eu só quero você
A três palmos do chão
Menininha não cresça mais não
Fique pequenininha na minha canção
Senhori……nha levada
Batendo palminha
Fingindo as…..sus…..ta…..da
Do bicho-papão
Menininha, que graça é você
Uma coisinha assim
Começando a viver
Sem crescer
Porque o mundo é ruim, é ruim e você
Vai sofrer de repente
Uma desilusão
Porque a vida é so…..men…te
Teu bicho-papão
Fique assim, fique assim
Sempre assim
E se lembre de mim
Pelas coisas que eu dei
E também não se esqueça de mim
Quando você souber enfim
De tudo o que eu a…mei.

O gato

Com um lindo salto
Leve e seguro
O gato passa
Do chão ao muro
Logo mudando
De opinião
Passa de novo
Do muro ao chão
E pisa e passa
Cuidadoso, de mansinho
Pega e corre, silencioso
Atrás de um pobre passarinho
E logo pára
Como assombrado
Depois dispara
Pula de lado
Se num novelo
Fica enroscado
Ouriça o pelo
Mal humorado
Um preguiçoso
É o que ele é
E gosta muito
De cafuné
Com um lindo salto
Leve e seguro
O gato passa
Do chão ao muro
Logo mudando
De opinião
Passa de novo
Do muro ao chão
E pisa e passa
Cuidadoso, de mansinho
Pega e corre, silencioso
Atrás de um pobre passarinho
E logo pára
Como assombrado
Depois dispara
Pula de lado
E quando à noite vem a fadiga
Toma seu banho
Passando a língua pela barriga

O relógio
Vinícius de Moraes

Passa tempo, tic-tac
Tic-tac, passa hora
Chega logo, tic-tac
Tic-tac, vai-te embora
Passa, tempo
Bem depressa
Não atrasa
Não demora
Que já estou
Muito cansado
E já perdi toda alegria
De fazer meu tic-tac
Dia e noite
Noite e dia
Tic-tac
Tic-tac
Dia e noite
Noite e dia

Casa
Vinícius de Moraes

Era uma casa muito engraçada
Não tinha teto, não tinha nada
Ninguém podia entrar nela não
Porque na casa não tinha chão
Ninguém podia dormir na rede
Porque na casa não tinha parede
Ninguém podia fazer pipi
Porque pinico não tinha ali
Mas era feita com muito esmero
Na rua dos bobos, número zero
Mas era feita com muito esmero
Na rua dos bobos, número zero

Turma do chaves

Se você é jovem ainda

Se você é jovem ainda, jovem ainda, jovem ainda
Amanhã velho será, velho será, velho será
Ao menos se o coração, se o coração sustente
A juventude que nunca morrerá
Existem jovens de 80 e poucos anos
E também velhos de apenas 26
Porque velhice não significa nada
E a juventude volta sempre outra vez
Se você é jovem ainda, jovem ainda, jovem ainda
Amanhã velho será, velho será, velho será
Ao menos se o coração, se o coração sustente
A juventude que nunca morrerá
Se você é tão jovem quanto sente?
Pode apostar é jovem pra valer
E velho é quem perde a pureza
E também é quem deixa de aprender
Se você é jovem ainda, jovem ainda, jovem ainda
Amanhã velho será, velho será, velho será
A juventude que nunca morrerá
Não diga não a vida que te espera
Pra festejar a alegria de viver
E você vai tudo isso entender
Se voce é jovem ainda, jovem ainda, jovem ainda
Amanhã velho será, velho será, velho será
Ao menos se o coração, se o coração sustente
A juventude que nunca morrerá

Boa noite,vizinhança!!!

Quantas vezes como agora a reunião se estendeu
Até que chegou aurora e nos surprendeu
As estrelas testemunham nosso amor e semelhança
Boa noite meus amigos, Boa noite vizinhança
Prometemos despedirmos sem dizer adeus jamais
Pois haveremos de nos reunirmos muitas ve-zes mais

Cavaleiros do Zodíaco
Os guardiões do Universo

OS GUARDIÕES DO UNIVERSO VÃO DEFENDER O MAU
O SEU DESTINO É COMBATER, POR UM MUNDO IDEAL
CAVALEIROS DO ZODIACO, LUTADORES COM PODER ASTRAL
SE O INIMIGO É DEMONÍACO SUA LUTA É MORTAL
REPETE TUDO

CAVALEIROS DO ZODIACO, TRAZEM DENTRO DO SEU CORAÇÃO
A CORAGEM DE UM VENCEDOR E A VITÓRIA NA CANÇÃO…

Pegasus Fantasy

Faça elevar
o cosmo no seu coração
todo o mal, combater, despertar o poder!
Sua constelação
sempre irá te proteger
supera a dor e dá forças pra lutar
Pegasus Fantasy
Desejos a realizar
pois as asas de um coração sonhador
ninguém irá roubar
Saint Seiya! guerreiro das estrelas
Saint Seiya! nada a temer oh yeah
Saint Seiya! unidos por sua força
Saint Seiya! Pégasus, até vencer!

Força Astral

Tem sempre alguém no cosmo
Ajudando o cavaleiro a vencer
E só o vencedor pode vestir
Sua armadura de ouro
Eu sei que esse torneio
Vai fazer nosso universo tremer
Guerreiros são guerreiros
Nas estrelas é que seu tesouro
Aqui o bem e o mal até o fênix ganhar
Silêncio nas estrelas
Gritos ecoando no ar
Pégasus ajuda o teu cavaleiro
Shiryu dragão e o guerreiro
Cavaleiros do zodíaco
Fênix guia pro bem seu guerreiro
Andrômeda e o seu cavaleiro

Cavaleiros do zodíaco
Na terra eles são bravos
Nas estrelas é que está seu poder
São cinco cavaleiros combatendo
Sempre as forças do mal
Valentes, destemidos, nessa luta
eles só pensam em vencer
São magos das estrelas
Eles são os cavaleiros do astral
Versão 2:(lenta e instrumental)
só muda o refrão:
Trem da Alegria

Thundercats

Thunder, Thunder, Thunder, Thundercats!!!
Cortando o céu escuro de um mundo perdido
Lion e seus amigos numa nave estrelar
Avisa do perigo que já vai chegar!!!
Mas só quem luta pelo bem é invencível
A chama da justiça nunca vai se apagar…..
Thunder, Thundercats Aventura, Thundercats
Fantasia, Thundercats Companheiros,
na Luz da Espada, no Brilho da Estrela
Chakal e Simiano, o cruel Escamoso
Mumm-ra, o Mal Eterno, chefe dos Mutantes
Comanda seus vilões e tenta mil maneiras
De conquistar seu mundo e a Espada Justiceira
Mas só quem luta pelo bem é invencível
A chama da justiça nunca vai se apagar…..
Fantasia, Thundercats Companheiros,
Visão além do alcance
A honra e a verdade
Coragem e saber
Justiça e lealdade
Pra sempre vou vencer
na Luz da Espada, no Brilho da Estrela

É de Chocolate

Por Detrás Do Arco Íris, Além Do Horizonte
Há Um Mundo Encantado Feito Pra Você
Quero Te Levar Comigo Quando Amanhecer
Vou Te Mostrar Que É De Chocolate
De Chocolate Que O Amor É Feito, De Chocolate
Choc, Choc, Chocolate Bate O Meu Coração Refrão
Choc, Choc, Choc, Choc, Choc, Choc, Chocolate
Choc, Choc, Choc, Choc, Choc, É De Chocolate
E Numa Casinha De Biscoito E De Sorvete
Você Vai Me Esperar A Cada Anoitecer
Brigadeiro, Rocambole E Doce De Leite
É Só Você Tomar Cuidado Pra Não Derreter
Refrão

Carrossel de Esperança

A Vida É Uma Criança
Um Carrossel De Esperança
Amor E Paz É O Que Queremos
Venha Com A Gente E Cantaremos
O Nosso Mundo É Colorido, Como É Lindo
Nosso Caminho É Florido E Nossa Vida
Tem Sabor De Emoção
Vem, Vem, Vem, Vem, Vem, Vem
Vem, Eu Quero Te Mostrar
Existe Um Lugar Pra Gente Ser Feliz
Vamos Juntos Caminhar
Correr, Sorrir, Brincar
Cantar E Pedir Bis

HE-Man

No mundo de Eternia
Bem distante daqui
Na luta pela paz
Um guardião vai surgir
A força e a coragem
Ele nasceu para o bem
Os músculos de aço
Nosso herói é He-Man
Aponta para o céu a sua espada a brilhar
E entre raios e trovoes um campeão nascerá
Pacato, o seu tigre vira o Gato Guerreiro
Na luta da justiça se entrega por inteiro
Eu tenho a força, sou invencível
A semente do mal
Lá lá lá lá lá lá lá
Lá lá lá lá lá lá He-Man
Lá lá lá lá lá lá lá
Lá lá lá lá lá lá He-Man

Pelos poderes de Greyskull

Mandíbula, a Maligna e as forças do mal
O plano do esqueleto poderá ser fatal
Segredos do castelo ele quer conseguir
Planeja mil trapaças nunca vai desistir
Zohar, Mentor e Teela são as forças do bem
Amigos da verdade eles não temem ninguém
O corpo gira, gira pro feitiço quebrar
He-Man com sua espada faz a guerra acabar
Eu tenho a força…

Uni, Duni, Tê

Eu quis saber da minha estrela-guia
Onde andaria meu sonho encantado
Fada madrinha, vara de condão
Esse meu coração sonhando acordado
Vai nos levar pra um mundo de magia
Onde a fantasia vai entrar na dança
E quando o brilho do amor chegar
Melhor é ser criança
Uni, Duni, Duni, Tê, Ô Ô Ô Ô, Salamê Minguê Ô Ô Ô Ô
Um Sorvete Colorê

Sonho Encantado Onde Está Você
A Carruagem Vai Seguir Viagem
E O Trem Da Alegria Vai Pedir Passagem
Na Direção Do Amor Que Eu Preciso
Do Meu Paraíso, Doce Paisagem
Vai Nos Levar Pra Um Mundo De Magia
Onde A Fantasia Vai Entrar Na Dança
E Quando O Brilho Do Amor Chegar
Melhor É Ser Criança

Pra ver Se Cola

Entre borrachas e apontadores, mora o meu grande amor
Colei seu nome com várias cores, num livro que ela me emprestou
Mandei mil bolas e mariolas, roubei as flores todas do jardim
Eu faço tudo na minha escola, pra ver se ela gosta de mim
Cola o teu desenho no meu, pra ver se cola
Cola o meu retrato no teu e me namora
Comigo nessa dança, um sonho e criança
E o meu coração cola no teu pra ver se cola

Jarizinho e Simoni

Recortei a luz da lua e colei num papelão
Escrevi assim sou sua e te fiz um coração
Encontrei você na rua, você nem deu atenção
Eu nem sei qual é a sua, coração de papelão
Então chorei, até pensei, amor assim pra que ?
Meu bem não sei fingi que nem te olhei
Sempre quis namorar com você ( meu amor sempre quis namorar com você )
Se essa rua fosse minha, eu mandava ladrilhar
Com o brilho dos seus olhos, só pro meu amor passar
Se essa rua fosse minha, eu mandava ladrilhar
Com o brilho dos seus olhos, só pro meu amor passar

Balão Mágico
Amigos do Peito (Somos amigos)
participação especial: Fábio Jr.

Meu nome é Mike
Gosto muito de brincar
Eu sou o Tob
Não me canso de cantar
Sou Simony
E queria apresentar
Novos amigos
Que acabaram de chegar
Sou Jairzinho
O mais novo do balão
Eu sou o Fábio
Também vou nessa canção
Somos amigos
E queremos divertir
Nossos amigos
Do balão
Que vai subir
Somos amigos
Amigos do peito
Amigos de uma vez
Somos amigos
Amigos do peito
Amigos de vocês
Viver a vida
Viajando nas canções
Viver cantando
Alegrando os corações
Viver os sonhos
Tudo que acontecer
Fazer amigos
Mas amigos pra valer

Depende de Nós

Depende de nós
Quem já foi ou ainda é criança
Que acredita ou tem esperança
Quem faz tudo pra um mundo melhor
Depende de nós
Que o circo esteja armado
Que o palhaço esteja engraçado
Que o riso esteja no ar
Sem que a gente precise sonhar
Que os ventos cantem nos galhos
Que as folhas bebam orvalhos
Que o sol descortine mais as manhãs
Depende de nós
Se este mundo ainda tem jeito
Apesar do que o homem tem feito
Se a vida sobreviverá

Superfantástico
Participação especial: Djavan

Superfantástico amigo!
Que bom estar contigo
No nosso balão!
Vamos voar novamente
Cantar alegremente
Mais uma canção
Tantas crianças já sabem
Que todas elas cabem
No nosso balão
Até quem tem mais idade
Mas tem felicidade
No seu coração
Sou feliz, por isso estou aqui
Também quero viajar nesse balão!!

Superfantástico!
No balão mágico, 2 X
O mundo fica bem mais divertido!!
Superfantásticamente!

As músicas são asas da imaginação
É como a flor e a semente
Cantar que faz a gente
Viver a emoção
Vamos fazer a cidade
Virar felicidade
Com a nossa canção
Vamos fazer essa gente
Voar alegremente

No nosso balão!
Sou feliz, por isso estou aqui
Também quero viajar nesse balão!!
Superfantástico!
No balão mágico, 2 X
O mundo fica bem mais divertido!!
Superfantástico!

Ursinho Pimpão

Vem meu ursinho querido / Meu companheirinho
Ursinho Pimpão
Vamos sonhar aventuras / Voar nas alturas
Da imaginação
Como na história em quadrinhos / Eu sou a sininho
Você Peter Pan
Vamos fazer nossa festa / Brincar na floresta
Ursinho Tarzan
enquanto o sono não vem / Eu sou chapeuzinho
Você meu galã
Dança também / Pelo salão
É tão bonita / Nossa canção
Manhã já vem / Dorme Pimpão
Urso folgado / Não tem lição
Vem meu ursinho querido / Ator preferido
Da minha estação
Vou te sonhar colorido
Pegando bandido / Na televisão
Vamos deixar o cansaço
Dormir num abraço / Meu velho amigão
Não fique triste e zangado
Se eu viro de lado / E te jogo no chão
Ah! Meu ursinho palhaço
Seu circo é um pedaço / Do meu coração
REFRÃO…

Se Enamora

Quando você chega na classe, nem sabe quanta diferença que faz e às vezes
Faço que não vejo e não ligo e finjo ser distraída demais
Quantas vezes te desenhei mas não consigo ver o teu sorriso no fim te digo
Caminhando pelo recreio quem sabe você tropeça em mim
Se enamora, quem vê você chegar com tantas cores
E vê você passar perto das flores, parece que elas querem te roubar
Se enamora que vê você chegar com tantos sonhos
Os olhos tão ligados nesses sonhos, tesouros de um amor que vai chegar
Quando toca o despertador de manhãzinha, me levanto e vou me arrumar
E vejo a felicidade no espelho sorrindo, claro que vou te encontrar
Fico só pensando em você e juro que eu vou te tirar pra dançar um dia
Mas uma canção é tão pouco nem cabe tudo que eu quero falar

REFRÃO
Se enamora e fica tão difícil de ir embora
E as vezes escondido a gente chora, e chora mesmo sem saber porque
Se enamora, a gente de repente se enamora e sente que o amor chegou a hora
E agora gosto muito de você

Músicas Infantis

A Corujinha
Vinicius de Moraes & Toquinho

Corujinha, coru….jinha
Que peninha de você
Fica toda encolhidinha
Sempre olhando não sei que
O teu canto de repente
Faz a gente estremecer
Corujinha, pobre…zinha
Todo mundo que te vê
Diz assim, ah! coita…dinha
Que feinha que é você
Quando a noite vem chegando
Chega o teu amanhecer
E se o sol vem despontando
Vais voando te esconder
Hoje em dia andas vaidosa
Orgulhosa como quê
Toda noite tua carinha
Apa…rece na TV
Corujinha, coru…jinha
Que feinha que é você!

A Cidade Ideal
Chico Buarque

CACHORRO:
A cidade ideal dum cachorro
Tem um poste por metro quadrado
Não tem carro, não corro, não morro
E também nunca fico apertado
GALINHA:
A cidade ideal da galinha
Tem as ruas cheias de minhocas
A barriga fica tão quentinha
Que transforma milho em pipoca
CRIANÇAS:

Atenção porque nesta cidade
Corre-se à toda velocidade
E atenção que o negócio está preto
Restaurante assando galeto
TODOS:
Mas não, mas não
O sonho é meu e eu sonho que
Deve ter alamedas verdes
A cidade dos meus amores
E, quem dera, os moradores
Fossem somente crianças
Deve ter alamedas verdes
A cidade dos meus amores
E, quem dera, os moradores
E o prefeito e os varredores
E os pintores e os vendedores
Fossem somente crian…ças
GATA:
A cidade ideal duma gata
É um prato de tripa fresquinha
Tem sardinha num bonde de lata
Tem alcatra no final da linha

JUMENTO:
Jumento é velho, velho e sabido
E por isso já está prevenido
A cidade é uma estranha senhora
Que hoje sorri e amanhã te devora
CRIANÇAS:
Atenção que o jumento é sabido
É melhor ficar bem prevenido
E olha, gata, que a tua pelica
Vai virar uma bela cuíca.

TODOS:
Mas não, mas não
O sonho é meu e eu sonho que
Deve ter alamedas verdes
A cidade dos meus amores
E, quem dera, os moradores
E os pintores e os vendedores
Fossem somente crianças
Deve ter alamedas verdes
A cidade dos meus amores
E, quem dera, os moradores
E o prefeito e os varredores
E os pintores e os vendedores
As senhoras e os senhores
E os guardas e os inspetores
Fossem somente crian…ças

Pirulito

Pirulito que bate bate
Pirulito que já bateu
Quem gosta de mim é ela
Quem gosta dela sou eu
Pirulito que bate bate
Pirulito que já bateu
A menina que eu amava
Coitadinha já morreu

Eu fui no Tororó (ou Itororó)

Eu fui no Tororó beber água e não achei,
Achei bela morena, que no Tororó deixei
Aproveite, minha gente, que uma noite não é nada
Se não dormir agora, dormirá de madrugada
Oh, Dona Ma…ria, oh, Maria….zinha
Entrará na roda e ficará sozinha

– Sozinha eu não fico, nem hei de ficar
Porque tenho Chico para ser meu par

Meu limão, meu limoeiro

Meu limão, meu limoeiro,
Meu pé de jacarandá
Uma vez esquindô lelê
Outra vez esquindô lalá

O cravo brigou com a rosa

O cravo brigou com a rosa
Debaixo de uma sacada
O cravo saiu ferido,
E a rosa, despedaçada

O cravo ficou doente
A rosa foi visitar
O cravo teve um desmaio
A rosa pôs-se a chorar

Samba Lelê

Samba Lelê tá doente
Tá com a cabeça quebrada
Samba Lelê precisava
É de uma boa lambada
Samba, samba, samba, ô Lelê
Samba, samba, samba, ô Lalá
Samba, samba, samba, ô Lelê
Pisa na barra da saia, ô Lalá

Terezinha de Jesus

Terezinha de Jesus
De uma queda foi ao chão
Acudiram três cavalheiros
Todos três, chapéu na mão
O primeiro foi seu pai
O segundo, seu irmão
O terceiro foi aquele
Que a Tereza deu a mão

Terezinha de Jesus
Levantou-se lá do chão
E sorrindo disse ao noivo:
– Eu te dou meu coração!

Da laranja quero um gomo
Do limão quero um pedaço
Da morena mais bonita
Quero um beijo e um abraço

Bicharada

Au, au, au, hi-ho, hi-ho
Miau, miau, miau, cocorocó.

O animal é tão bacana
Mas também não é nenhum banana.

Au, au, au, hi-ho, hi-ho
Miau, miau, miau, cocorocó.

Quando a porca torce o rabo
Pode ser o diabo, ora vejam só

Au, au, au, cocorocó.
Era uma vez (e é ainda)
Certo país (e é ainda)
Onde os animais eram tratados como bestas
(são ainda, são ainda).
Tinha um barão (tem ainda)
Espertalhão (tem ainda)
Nunca trabalhava e então achava a vida linda
(e acha ainda, e acha ainda).

Au, au, au, hi-ho, hi-ho
Miau, miau, miau, cocorocó.

O animal é paciente
Mas também não é um demente.
Au, au, au, hi-ho, hi-ho
Miau, miau, miau, cocorocó.
Quando o homem exagera
Bicho vira fera, ora vejam só

Au, au, au, cocorocó.
Puxa, jumento (só puxava)
Choca galinha (só chocava)
Rápido, cachorro, guarda a casa, corre e volta
(só corria, só voltava).
Mas chega um dia (chega um dia)
Que o bicho chia (bicho chia)
Bota prá quebrar que eu quero ver quem paga o pato
Pois vai ser um saco de gatos.

Au, au, au, hi-ho, hi-ho
Miau, miau, miau, cocorocó.

O animal é tão bacana
Mas também não é nenhum banana.
Au, au, au, hi-ho, hi-ho
Miau, miau, miau, cocorocó.

Quando a porca torce o rabo
Pode ser o diabo, ora vejam só
Au, au, au, cocorocó.

A Galinha

Todo ovo
Que eu choco
Me toco
De novo.
Todo ovo
É a cara
É a clara
Do vovô.
Mas fiquei
Bloqueada
E agora
De noite
Só sonho
Gemada.
A escassa produção
Alarma o patrão.
As galinhas sérias
Jamais tiram férias.
“Estás velha, te perdôo
Tu ficas na granja
Em forma de canja”
Ah!!!

É esse o meu troco
Por anos de choco
Dei-lhe uma bicada
E fugi, chocada
Quero cantar na ronda
Na crista da onda
Pois um bico a mais
Só faz mais feliz
A grande gaiola
Do meu país.

O Jumento

Jumento não é
Jumento não é
O grande malandro da praça
Trabalha, trabalha de graça.
Não agrada a ninguém
Nem nome não tem
É manso e não faz pirraça.
Mas quando a carcaça ameaça rachar
Que coices, que coices, que coices que dá.
O pão, a farinha, o feijão, carne-seca,
limão, mexerica, mamão, melancia,
quem é que carrega? Hi-ho.

Pato Pateta

Lá vem o pato
Pata aqui, pata acolá
Lá vem o pato
Para ver o que é que há

O pato pateta
Pintou o caneco
Surrou a galinha
Bateu no marreco
Pulou do poleiro
No pé do cavalo
Levou um coice
Criou um galo
Comeu um pedaço
Ficou engasgado
Com dor no papo
Caiu no poço
Quebrou a tigela
Tantas fez o moço
Que foi pra panela.

Para ser feliz

Para ser feliz
É preciso sentir
Este céu azul
Esta imensidão
É fazer das tristezas
Estrelas a mais
E do pranto uma canção

Há um mundo bem melhor
Todo feito pra você
É um mundo pequenino
Que a ternura fez.

Nesta Rua

Nesta rua, nesta rua tem um bosque
Que se chama que se chama solidão
Dentro dele dentro dele mora um anjo,
Que roubou que roubou meu coração.

Se eu roubei, se eu roubei teu coração
Tu roubaste tu roubaste o meu também
Se eu roubei se eu roubei teu coração
É porque é porque te quero bem.

Se esta rua, se esta rua fosse minha
Eu mandava, eu mandava ladrilhar
Com pedrinhas, com pedrinhas de brilhante
Para o meu, para o meu amor passar.

Era uma vez um cavalo

Era uma vez um cavalo
que vivia num lindo carrossel
tinha orelhas espetadas
ao pescoço um lacinho de papel

A correr tra-lá-lá
a saltar tra-lá-lá
cavalinho não saía do lugar

Pintinho

Pintinho, pintinho, pintinho, piu
subiu a uma árvore e depois caiu
a D. galinha ficou zangada
pegou no pintinho deu-lhe uma palmada

Pintinho, pintinho, pintinho, piu
comeu a sopa toda nem sequer fugiu
a D. galinha ficou contente
pegou no pintinho e deu-lhe um presente

Os patinhos

Todos os patinhos
sabem bem nadar (bis)
cabeça para baixo
rabinho para o ar
Quando estão cansados
da água vão sair (bis)
depois em grande fila
p’ro ninho querem ir
Na hora da papa
todos querem comer (bis)
atrás da mamã pata
vão todos a correr
O meu galinho
Há três noites que eu não durmo lá, lá
pois perdi o meu galito lá, lá
probrezito lá, lá
coitadito lá, lá
eu perdi-o no jardim

Ele é branco e amarelo lá, lá
tinha a crista encarnada lá, lá
bate as asas lá, lá
abre o bico lá, lá
ele faz qui-ri-qui-qui
O porquinho foi à horta
O porquinho foi à horta
e comeu uma bolota
o cão também lá quis ir
mas fecharam-lhe a casota
é bem feito porque o cão
tem a mania que é espertalhão

O patinho nada
O patinho nada
dentro do laguinho
qua, qua, qua,
está todo molhadinho

A mãe pata vem
e paga no filhinho
atchim, atchim, atchim
já está constipadinho
Vaca leiteira
Eu tenho uma vaca leiteira
não é uma vaca qualquer
dá leitinho e manteiguinha
mas que vaca tão fofinha
dlim, dlão, dlim, dlão

Um badalo eu lhe comprei
e, a minha vaquinha gostou
dá passeios pelo prado
mata moscas com o rabo
dlim, dlão, dlim, dlão

Doidas galinhas

Doidas, doidas, doidas
andam as galinhas
para pôr o ovo lá no buraquinho
raspam, raspam, raspam
p’ralisar a terra
pica, picam, picam
p’ra fazer o ninho

Arrebita a crista o galo vaidoso
có-có-ró-có-có feito refilão
e todo emproado com ar majestoso
é o comandante deste batalhão.

Os três gatinhos

Os três gatinhos
perderam os chapelinhos
puseram-se a chorar
oh mãe, mãezinha
os nossos chapelinhos
não os podemos achar

Perderam os chapelinhos?
Aí que feios gatinhos!
Então não vão brincar
Miau fru-fru (bis)
Os três gatinhos
acharam os chapelinhos
puseram-se a cantar
oh mãe, mãezinha
os nossos chapelinhos
já os conseguimos achar
Acharam os chapelinhos
ai que lindos gatinhos
então já vão brincar
Miau fru-fru (bis)
Na quinta do tio Manel
Na quinta do Tio Manel
i-a-i-a-ô
há patinhos a granel
i-a-i-a-ô
quá quá ali,
quá quá aqui
há quá quá aqui e ali

Na quinta do Tio Manel

i-a-i-a-ô
há vaquinhas a granel
i-a-i-a-ô
Mum, mum ali,
mum, mum aqui
há mum, mum aqui e ali
ovelhas
mé mé
cães
ão, ão…

A boneca

Tenho uma boneca assim, assim
Veio de Paris pra mim, pra mim
Ela diz Papá, Mamã também
Ela fecha os olhos, nana bem

Tenho uma boneca assim, assim
Veio de Paris pra mim, pra mim
Ela diz Papá, Mamã também
Ela fecha os olhos, nana bem

Tenho uma boneca assim, assim
Veio de Paris pra mim, pra mim
Ela diz Papá, Mamã também
Ela fecha os olhos, nana bembém (BIS)

Cadê?

Cade o toicinho daqui?
O gato comeu
Cade o gato?
Foi pro mato
Cade o mato?
O fogo queimou
Cade o fogo?
A água apagou
Cade a água?
O boi bebeu
Cade o boi?
Foi puxar trigo
Cade o trigo?
A galinha comeu
Cade a galinha?
Foi botar ovo
Cade o ovo?
O padre chupou
Cade o padre?
Foi rezar a missa
Por onde é o caminho da Missa?
Por aqui…por aqui…por aqui

Lavar os dentes

Um copo com água
Uma escova e pasta
Pra lavar os dentes
É o que me basta

Esfrego, esfrego, esfrego
Muito esfregadinho
Com os dentes lavados
Que rico cheirinho

Um copo com água
Uma escova e pasta
Pra lavar os dentes
É o que me basta

Esfrego, esfrego, esfrego
Muito esfregadinho
Com os dentes lavados
Que rico cheirinho

Os olhos de marianita

Os olhos da Marianita
São verdes cor do limão.
Os olhos da Marianitaa
São verdes cor do limão.
Ai sim, Marianita, ai sim,
Ai não, Marianita, ai não.
Ai sim, Marianita, ai sim,
Ai não, Marianita, ai não.

Os olhos da Marianita
São pretos cor do carvão.
Os olhos da Marianita
São pretos cor do carvão.
Ai sim, Marianita, ai sim,
Ai não, Marianita, ai não.
Ai sim, Marianita, ai sim,
Ai não, Marianita, ai não.

Papagaio loiro

Papagaio loiro do bico dourado,
Mande essa cartinha para o meu namorado.
Se estiver dormindo bata na porta,
Se estiver acordado deixa recado.

Samba lele

Samba Lelê está doente
Está com a cabeça quebrada
Samba Lelê precisava
De umas dezoito lambadas

Samba , samba,
Samba ô Lelê
Pisa na barra da saia ô Lalá
(bis)

Ó Morena bonita,

Ó Morena bonita
Como é que se namora ?
Põe um lencinho no bouço e deixa a pontinha pra fora Morena bonita
Como é que se casa
Põe o véu na cabeça
Depois dá o fora de casa

Ó Morena bonita
Como é que cozinha
Bota a panela no fogo
Vai conversar com a vizinha

Ó Morena bonita
Onde é que você mora
Moro na Praia Formosa
Digo adeus e vou embora

Referências
http://www.mvhp.com.br/infantis.htm
http://www.portalis.co.pt/paginas/musicas%20infantis.htm
http://temas-infantis.musicas.mus.br/

One thought on “Músicas Infantis

  1. Link pra donwload que é bom essa merda nào tem !!!!!
    Mas 300 vídeos de porcaria o site mostra…
    Vai te deitar…
    FDP !!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *