Feliz Páscoa para todos

Este vídeo trata de um assunto muito importante: O uso correto da internet pelas crianças. Vale a pena assistir e se possível exibi-lo na escola.

Cartilha: Uso responsável da internet

Esta contribuição foi da professsora Natania Nogueira do Gibiteca.com

Compartilho com vocês meu artigo que saiu no

JORNAL VIRTUAL GESTÃO EDUCACIONAL
Gestão Educacional – Ano 2 Nº 56 – 17/03/08
Você faz parte de uma comunidade com mais de 10.545 cadastrados.
Boa leitura.

A web na aprendizagem

Vivemos a realidade de novos conceitos em todas as áreas de atuação do indivíduo. Estas mudanças e seus efeitos estão alicerçados no imediatismo virtual interativo, porém não podemos fechar os olhos para a existência de renitentes que insistem em se manter alheios ao que acontece ao seu redor. Este tipo de comportamento está gerando certo isolamento, primeiro sinal de uma exclusão próxima, uma vez que, o dia a dia em rede é uma realidade que veio para ficar.

Na educação não é diferente. A iniciativa de se incorporar à didática recursos tecnológicos como TV, vídeo, data show é antiga. Infelizmente a aplicação destas ferramentas não passou de uma prática meramente ilustrativa quando poderia ter sido uma fonte geradora de desafios cognitivos. Acontece que até pouco tempo atrás este comportamento não interferia de maneira decisiva no resultado final da aprendizagem, mas hoje a nova linguagem de comunicação invadiu a escola, e o professor tem que se integrar à comunicação em rede para poder falar a mesma linguagem que seus alunos dominam e usam no seu cotidiano.

Para que isso ocorra a parceria escola/professor/aluno tem que existir total e integralmente uma vez que, pressupõem-se, todos tenham um objetivo comum, a aprendizagem.

É sabido que muitos professores tentam incorporar às práticas pedagógicas o uso das ferramentas da Web 2.0, porém muitas escolas, tanto públicas quanto municipais, ao longo do nosso imenso país, insistem em manter trancados os Laboratórios de Informática, e muitas escolas particulares mantêm apenas abertos os LI sem dispor de um profissional da área para promover sua utilização com fins educacionais.

Isso ocorre em razão da visão errônea e desatualizada do uso dos computadores, e em especial, da internet. O rótulo de usar a Net somente para jogos e banalidades ainda faz parte dos conceitos obsoletos de muitos Diretores de escolas.

A melhor forma de aprender a utilizar o computador é utilizando-o. Como poucos profissionais da Educação o utilizam como ferramenta de aprendizagem, o material para se compartilhar é escasso.

O Professor pode utilizar como ferramenta de aprendizagem o e-mail que é a mais conhecida e usada por todos os indivíduos. Ele pode manter contato constante com seus alunos, enviando resumos, propostas de debates, títulos para pesquisas, e tudo o mais que sua criatividade propor fazendo da Web uma sala de aula sem paredes, propiciando a participa tanto dos alunos “tagarelas” quanto dos tímidos e retraídos.

Os alunos ao acessarem o resumo da semana, por exemplo, estarão fixando o conteúdo trabalhado e favorecendo a possibilidade de constatação de possíveis dúvidas. Caso elas existam poderá questionar via e-mail orientando o professor sobre as lacunas existentes e sobre os pontos que deverá reforçar em sala de aula.

Se o aluno não tiver computador em casa, ele pode dispor do computador da escola no horário que melhor lhe convier. Uma das grandes vantagens de se utilizar a Web para a aprendizagem é dispor dos conteúdos na hora e quando puder e quiser.

Além do e-mail, existem os blogs que podem ser de caráter público ou particular, fotoblogs, WebQuests, Fóruns, Listas de discussões e outras TICs que são ferramentas propiciadoras de participação e colaboração de todos os integrantes. Além de colaborar com a aprendizagem esta prática favorece o desenvolvimento amplo do indivíduo fazendo com que ele se torne um formador de opinião, exercite a linguagem escrita, exponha seus pensamentos, aprenda a exercer a cidadania e muitas outras possibilidades tão importantes na construção e formação do cidadão.

Já que os alunos estão completamente interados e integrados com o ciberespaço, é hora da escola e dos professores arregaçarem as mangas e colocarem a mão na massa, ou melhor dizendo, colocar a mão no mouse.

Cybele Meyer, advogada, artista plástica, professora, pós-graduada em Psicopedagogia Clínica e Institucional e Docência do Ensino Superior, palestrante e escritora.

Mantém também um blog, “Educar Já!”, de auxílio ao professor. Visite o Blog www.cybelemeyer.blogspot.com e o site www.cybelemeyer.com.br. Para entrar em contato com a autora, mande um e-mail para cybelemeyer@yahoo.com.br .

Curso de Dinâmicas de Grupo
19 de Abril – Sábado – Colégio Santa Inês
Canísio Mayer

Informações Gerais

1) Curso do dia 19 de Abril, sábado, das 08h e 30min até as 17horas.
2) Local: Colégio Santa Inês: Rua Três Rios, nº 362. Bairro – Bom Retiro – São Paulo/SP. Tel. 33 31 90 55. O Colégio fica próximo ao Metrô Tiradentes e em frente à Oficina Cultural Oswald de Andrade.
3) Investimento: R$ 140,00. Inclui: um livro do coordenador do curso, material didático, coffee-break, certificado e inscrição.
4) Confirmação (até 15 de Abril) e esclarecimentos sobre forma de pagamento pelo E-mail: canisiomayer@gmail.com ou pelo (011) 3088 2447.

Objetivos

1. Vivenciar e conhecer novas dinâmicas criadas e sistematizadas pelo Canísio, autor de 15 livros de Dinâmicas: úteis para os mais variados tipos de trabalhos e para diferentes públicos.
2. Aprofundar valores e atitudes de vida, crescer no auto-conhecimento e na auto-estima, fazer uso da imaginação e da criatividade, aprimorar as relações inter-pessoais, buscar uma ética que constrói cidadania;
3. Entrar em contato com dinâmicas enquanto reveladoras de nós mesmos;
4. Proporcionar um momento de formação pessoal – investimento em si mesmo – com grandes benefícios em termos pessoais e profissionais.

Público Alvo – Livre.

Coordenador do Curso

Canísio Mayer – escritor, conferencista, poeta, educador, coordenador de diversos tipos de cursos, assessor de congressos; Formado em Filosofia e Teologia (Belo Horizonte) com Mestrado em Teologia (Paris, França). Coordena cursos de Dinâmicas de Grupos no Brasil como também na França, Portugal, Espanha, Paraguai, Uruguai, México. Fala português, alemão, espanhol e francês e tem larga experiência com diferentes tipos de grupos.

Autor de 15 livros de Dinâmicas de Grupo: Dois livros pela Papirus Editora: Dinâmicas de Grupo – ampliando a capacidade de interação e O Poder de Transformação; um livro pela Editora Celebris – Dinamizando a vida (livro indicado ao prêmio Jabuti em 2006); cinco livros publicados pela Paulus Editora: Viver e Conviver e Encontros que Marcam (três volumes); cinco pela Editora Vozes: Na Dinâmica da Vida, No Sotaque do Andar, No Sotaque do Amar, Dinâmicas de Grupo e Textos criativos e Dinâmicas para desenvolver o crescimento pessoal e coletivo; dois livros pela Editora Idéias e Letras (2006): Heróis Solidários e Na Dança da vida, entre outros em vias de publicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *