Datas Comemorativas – Independência do Brasil

Atividades para o Dia da Independência

Fonte: Ajudinha Básica

PROJETO SEMANA DA PÁTRIA

Justificativa

A comemoração da “Semana da Pátria” é indispensável em nossas escolas, pois proporciona ao professor oportunidade de:
• Formar na criança o conceito de Pátria
• Despertar o sentimento de patriotismo
• Formar atitude de respeito aos símbolos do Brasil
• Desenvolver a compreensão do passado histórico e da significação da data “sete de Setembro”]

Objetivos:

• Incentivar o amor à Pátria
• Compreender a razão dos festejos da Semana da Pátria
• Reconhecer a Bandeira como símbolo da Pátria
• Conhecer o fato mais importante da História do Brasil
• Valorizar a escola como participante de grandeza da Pátria

Atividades:

Conversas e discussões sobre:

• O que é a Pátria
• O que aconteceu no dia 7 de setembro
• A figura de D. Pedro I
• Os símbolos da Pátria
• O grito da Independência
• A vida no Brasil antes e depois da Independência

Produção de texto:

• À vista de gravuras alusivas à data usar o tema “Eu amo minha Pátria”
• Elaboração de frases referentes à pergunta: – Por que gosto do Brasil?

Planejamento e relatórios sobre:

• O que vamos fazer na Semana da Pátria
• Como vamos desfilar
• O que aprendemos na Semana da Pátria

Culminância

• Os alunos confeccionam chapéus ou viseiras com as cores da Bandeira do Brasil e desfilam pelo pátio ou ruas do bairro acompanhados com fanfarra ou bandinhas.
• Poderão levar também balões verde e amarelo
• Exposição “Verde-amarela” de todos os trabalhos realizados durante o projeto.

CORO FALADO – INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

Apresentador:

Hoje é aniversário da nossa Independência.
Vamos hoje festejar

Todos

Parabéns, pátria querida!
É o Brasil no coração da nossa gente.

1º Grupo

É o amor à terra, nossa terra.
E chega a liberdade!

2º Grupo

Brasil do 7 de setembro
Das margens do Ipiranga,
Do grito de Pedro I
Que o Brasil libertou

Todos

Independência ou Morte!

Apresentador

Assim, o Brasil passou a ser livre.
Hoje caminha, rumo ao progresso, graças ao trabalho dos seus filhos.

Grupo – Índio

Fui o primeiro habitante
E vi a chegada de Cabral
Sou índio brasileiro
E vi o Brasil nascer

Grupo – Negro

Do meu trabalho
O Brasil prosperou
E a cada dia
Maior ficou

Grupo – Bandeirante

Fundei cidades
Descobri riquezas
Eu sou o bandeirante
Que o Brasil engrandeceu

Todos

Índio, negro e branco sempre estaremos juntos trabalhando para a grandeza do Brasil

Todos cantam:
(Música do Parabéns pra você)

Parabéns vamos cantar
Em louvor ao Brasil
A sua independência
Vamos juntos festejar

GRAVATA DA PÁTRIA

Clique na figura para vê-la em tamanho aumentado

VISEIRA DO BRASIL

Clique na figura para vê-la em tamanho aumentado


ÓCULOS DA PÁTRIA

Clique na figura para vê-la em tamanho aumentado

VAMOS PINTAR!

Clique na figura para vê-la em tamanho aumentado

TEATRINHO DA INDEPENDÊNCIA

Fonte: Cantinho Lúdico

História da Independência do Brasil

Era uma vez um principezinho que veio de uma terra muito distante chamado Portugal para morar no Brasil com sua família. Este príncipe era chamado de Pedrinho. Ele era um menino inteligente, corajoso e muito amoroso.

O povo brasileiro gostava muito dele, por isso quanto sua família teve que regressar para Portugal com urgência, os brasileiros fizeram uma baixo-assinado e foram as ruas pedir que Pedro permanecesse aqui. O povo clamava:

-Fica Pedro! – Fica Pedro! – Fica Pedro! -Fica Pedro!

O príncipe vendo aquela multidão de brasileiros pedindo que ele ficasse, respondeu:

- Se for para o bem de todos e felicidade geral da nação, eu fico.

Os brasileiros ficaram super contente e comemoram sua primeira vitória:

- Viva! Viva! Viva! Viva!

O tempo passou e um dia a princesa Leopoldina recebeu uma carta do pai de Pedro, que era rei de Portugal. Ao ler a carta ela chamou seu conselheiro José Bonifácio e disse:

- José, a corte portuguesa exige que Pedro volte imediatamente para Portugal.

Naquele mesmo instante José Bonifácio teve uma idéia.

- Alteza, escreva uma mensagem a vosso marido, peça que proclame a Independência do Brasil imediatamente.

A princesa mais que depressa escreve uma carta e manda o mensageiro entregar a Pedro.

-Vá rápido, encontre o príncipe Pedro e entregue esta carta a ele.

O mensageiro encontrou o príncipe perto do Riacho Ipiranga, descansado com sua cavalaria.

-Vossa alteza, eis uma mensagem da princesa Dona Leopoldina.

Ao ler a mensagem Pedro diz aos soldados.

-Soldados, a corte portuguesa quer nos escravizar. Laços fora, guerreiros! A partir de hoje não serviremos mais a Portugal. Ou o Brasil fica livre ou morremos por ele.

Independência ou Morte!

Todos os soldados gritaram em um só coro:

-Independência! Independência! Independência!

A partir daquele dia raiava a liberdade no horizonte do Brasil. Nosso país tinha ficado livre de Portugal.
E hino brasileiro agora poderia ser cantado em todas as redondezas com mais força e garra.
Autora: Bernadete Sena de Santana

Cavalo (para encenar)

CLIQUE NA FIGURA PARA VÊ-LA AUMENTADA

LEMBRANCINHA

Fonte: Oficina de Criatividade


Atividades variadas

Fonte: Gente Miúda

Clique na figura para vê-la em tamanho aumentado

CAVALINHO COM SUCATA

Clique na figura para vê-la em tamanho aumentado


HINO DA INDEPENDÊNCIA DO BRASIL


HINO DA INDEPENDÊNCIA

O Hino da Independência do Brasil foi criado logo após o 7 de setembro.
A letra do hino é de Evaristo da Veiga e a música de D. Pedro I.

Já podeis, da Pátria filhos,
Ver contente a mãe gentil;
Já raiou a liberdade
No horizonte do Brasil.

Brava gente brasileira!
Longe vá… temor servil:
Ou ficar a pátria livre
Ou morrer pelo Brasil.

Os grilhões que nos forjava
Da perfídia astuto ardil…
Houve mão mais poderosa:
Zombou deles o Brasil.

Brava gente brasileira!
Longe vá… temor servil:
Ou ficar a pátria livre
Ou morrer pelo Brasil.

Não temais ímpias falanges,
Que apresentam face hostil;
Vossos peitos, vossos braços
São muralhas do Brasil.

Brava gente brasileira!
Longe vá… temor servil:
Ou ficar a pátria livre
Ou morrer pelo Brasil.

Parabéns, ó brasileiro,
Já, com garbo varonil,
Do universo entre as nações
Resplandece a do Brasil.

Brava gente brasileira!
Longe vá… temor servil:
Ou ficar a pátria livre
Ou morrer pelo Brasil.

1º de setembro – Dia do Educador Físico

Fonte: Criando Crianças

O dia do professor de educação física é, originalmente, celebrado no dia 15 de junho. Porém, com a regulamentação da profissão no dia 1º de setembro de 1998, criou-se uma polêmica.
Aqueles que são a favor da regulamentação – ou seja, que o Conselho Federal de Educação Física zele pela qualidade do serviço do profissional de educação física – querem que o dia seja mudado para 1º de setembro. Mas nada ainda está resolvido. O importante é que a maioria dos profissionais nem sabe que existe um dia dedicado a eles.
http://www.pindavale.com.br/agoravale/noticias.asp?id=6521&cod=1

EM PORTUGAL

DIVERSAS ACTIVIDADES MARCAM “SETEMBRO, O MÊS DA EDUCAÇÃO”

Fonte: Expresso das ilhas

O Ministério da Educação e Ensino Superior, MEES, realiza a partir de hoje, 1, uma série de actividades enquadrada no “Setembro, o Mês da Educação”, considerado um período impar, do ponto de vista de preparação do ano lectivo 2008/ 2009. Durante esse período várias as acções estão previstas desde lançamento de primeiras – pedras para a construção de novos estabelecimentos escolares, inaugurações de novas infra-estruturas, abertura e inauguração de centros de informática, lançamento de sites, distribuição de kits escolares e em parceria com a Cabo Verde Devellopement será feita a campanha nacional de plantação de árvores nas escolas.

Para o ano lectivo, o Ministério da Educação tem agendado uma série de programas que vão ser apresentados ao longo do “Setembro, o Mês da Educação” como apadrinhamento de crianças das famílias carenciada, o Programa Nacional de Saúde Escolar que deverá abranger alunos até os 16 anos, que será desenvolvida pelo ICASE e ainda a criação em São Vicente da primeira Sala de Recursos para crianças com necessidades educativas especiais.

O alargamento para outras escolas da experiência da disciplina de Educação para a Cidadania e introdução nalguns liceus do ensino profissional constam do leque de novidades que o Ministério da Educação e Ensino Superior pretende introduzir a partir de 22 de Setembro, dia do inicio do ano lectivo 2008/ 2009.

Nesta manhã, a Ministra da Educação e Ensino Superior, Vera Duarte e o Secretário de Estado da Educação, Octávio Tavares concedem uma conferência de imprensa conjunta sobre a Abertura Oficial do Ano Lectivo 2008/2009.

2 thoughts on “Datas Comemorativas – Independência do Brasil

  1. gostei do teatro e o que eu estava procurando.

    Cybele Reply:

    Olá Rodrigo, tudo bem?

    Obrigada por enriquecer o nosso espaço com seu comentário
    Continue acompanhando o Educa Já!
    abraços
    Equipe Educa Já!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>