Ainda dá tempo #folhateen

Esta é a materia que saiu na Folhateen de hoje (18/10/2010) e que tem o teste elaborado por mim:

A chamada está home da Folha.com.

A matéria que deu origem ao teste está abaixo para quem não tem acesso:

Ainda dá tempo de recuperar as notas e evitar a reprovação na reta final; confira as dicas

VIVIAN RAGAZZI
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

Quando Sâmia Pereira, 16, mudou de escola, em 2009, ela teve dificuldades: o novo colégio era muito mais puxado do que o anterior.

“Logo na primeira aula de matemática, o professor passou uns testes de vestibular muito difíceis”, lembra.

“Ele falava: “Vocês querem uma faculdade pública ou uma “uni” qualquer?”.”

Sâmia ainda teve de lidar com outro desafio: acostumada a estudar numa escola pequena, com sete alunos por sala, precisou aprender a compartilhar a atenção dos professores com mais de 30 colegas de classe.

As dúvidas se acumularam, e ela ficou de recuperação em matemática pela primeira vez na vida.

Carlos Cecconello/Folhapress
SÃO PAULO, SP. BRASIL, 13-10-2010, A estudante Bruna Sevilhano Silva estudando. Matéria sobre cmo ainda dá tempo de recuperar as notas ruins ddo ano escolar.Carlos Cecconello/Folhapress.FOLHATEEN)4950***EXCLUSIVO FOLHA***
Bruna, 16, reaprendeu a estudar e vai curtir as férias

ATRÁS DO PREJUÍZO

Assustada, ela passou a estudar todos os dias, a contar com a ajuda do pai e a tirar dúvidas com os amigos para recuperar a nota. Funcionou.

Na prova seguinte, seu conceito passou de “regular” para “muito bom”. “Dei atenção extra para as matérias em que tinha dificuldade. Agora, estudo o dobro de matemática e de química”, diz.

Bruna Sevilhano Silva, 16, também ficou de recuperação em 2009. Mas o motivo foi outro: ela começou a trabalhar no meio do ano.

Menos tempo para estudar afetou seu desempenho. “Quando eu não faltava, já chegava cansada na aula.”

O resultado foi dramático: ficou de recuperação final em quase todas as matérias.

Para não perder o ano, passou a frequentar as aulas de recuperação oferecidas na escola pública onde estuda e a pedir exercícios extras.

Para completar, evitou as faltas e abandonou o fundão. “Sentar na frente fazia com que eu entendesse melhor a matéria e me distanciasse dos amigos bagunceiros”, concluiu. Deu certo.
Neste ano, com notas melhores, ela vai curtir as férias.

O QUE FAZER?

Para Vera Malato, coordenadora do Colégio Bandeirantes, ter um plano de estudo determina se um aluno será aprovado ou reprovado.

Para criar o seu é preciso levar em consideração todos os seus horários: aulas, almoço, descanso e reforço.

Depois, use os períodos disponíveis na agenda para estudar para as provas.

Mas só fazer o planejamento não basta. “É importante ter compromisso com o plano, para que as horas de estudo sejam cumpridas.”

Faça o teste criado pela psicopedagoga Cybele Meyer e descubra qual é o melhor método para você.

Esta é a ilustração do teste que está disponível somente para assinantes:

Quer fazer o teste para aprimorar os estudos?

18/10/2010 – 15h01

Faça o teste e descubra o seu jeito de aprender

DE SÃO PAULO

Responda ao teste abaixo e saiba qual é o canal que você usa para fixar as aulas: cinestésico (fazer para aprender), visual (ver para aprender) ou auditivo (ouvir para aprender)

1- Durante as aulas, você:
a) Tem mais facilidade para entender o conteúdo apresentado em textos, livros ou escrito na lousa
b) Aprende com facilidade apenas ouvindo o que o professor fala
c) Só aprende quando pratica o que foi proposto

2- Nas atividades em grupo, você:
a) É sempre o redator
b) É o que expõe o trabalho
c) É o que sai a campo para realizá-lo

3- Nas aulas expositivas, você:
a) Faz muitas perguntas e anota tudo o que o professor diz
b) Entende o conteúdo só com as informações orais do professor
c) Fica mexendo no material escolar e se distrai com facilidade

4- As aulas de química realizadas no laboratório são:
a) Cansativas, porque você não consegue registrar todas as experiências
b) Monótonas, porque parecem ser sempre iguais
c) Interessantes, pois é possível entrar em contato com todo o processo

5- Nas aulas de matemática, você:
a) Usa diferentes cores de caneta para registrar o processo
b) Entende de primeira só com a explicação dada pelo professor
c) Precisa de recursos materiais e práticos para vivenciar o processo

6- Quando tem prova marcada, você estuda:
a) Escrevendo em um caderno de rascunho
b) Falando e lendo em voz alta
c) Usando diferentes materiais para representar o conteúdo


Resultado
Se a letra mais escolhida foi…
“a” = comunicação visual
“b” = comunicação auditiva
“c” = comunicação cinestésica

DICAS PARA APRIMORAR SEUS ESTUDOS

Comunicação Visual
Uma boa ideia é anotar tudo o que o professor diz. Em casa, registrar os pontos mais importantes no caderno também ajuda a fixar.

Comunicação Auditiva
Estude em voz alta. Aja como se estivesse dando uma aula: use entonações diferentes nos pontos mais importantes ou de maior dificuldade. Outra sugestão para pessoas com este perfil é trocar a letra de sua música preferida pelo conteúdo que estiver estudando

Comunicação Cinestésica
Pessoas com este perfil precisam vivenciar a matéria e participar ativamente do processo. Concentram-se melhor quando há movimento. Masque chiclete enquanto estuda ou repasse um texto caminhando pelo quarto, desde que isso seja confortável
FONTE: Cybele Meyer é psicopedagoga e estuda há 25 anos a teoria das inteligências múltiplas

One thought on “Ainda dá tempo #folhateen

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *