Utilizando as Mídias na Educação – Entrevista


Agradeço o carinho da Fernanda Tardin editora do blog Utilizando as Mídias na Educação que me entrevistou sobre o uso da tecnologia como mais um recurso para promover a aprendizagem.

Leia a entrevista:

Fernanda Tardin: Em sua opinião os professores atuais estão preparados para utilizar as tecnologias pedagogicamente? Fale um pouco sobre isto.

Cybele Meyer: Incluir a tecnologia como mais um recurso pedagógico para promover a aprendizagem é uma ação relativamente nova o qual não há resultados que possa respaldar o professor. Estamos vivendo um momento histórico. Um momento de mudança de paradigma onde a verticalização do conhecimento está dando lugar ao conhecimento horizontalizado onde alunos e professores caminham rumo ao maior objetivo, a aprendizagem. O professor, de posse dos recursos tecnológicos irá…

Continue lendo…

Incluir a tecnologia como mais um recurso pedagógico para promover a aprendizagem é uma ação relativamente nova o qual não há resultados que possa respaldar o professor. Estamos vivendo um momento histórico. Um momento de mudança de paradigma onde a verticalização do conhecimento está dando lugar ao conhecimento horizontalizado onde alunos e professores caminham rumo ao maior objetivo, a aprendizagem. O professor, de posse dos recursos tecnológicos irá propiciar caminhos pedagógicos para que o aluno, nativo digital, transite de forma motivadora como protagonista da sua aprendizagem. Por isto digo que os professores estão se preparando para utilizar as novas tecnologias pedagogicamente e posso afirmar que estão bem dispostos e interessados, pelo menos é isto que sinto nas formações do Projeto UCA – Um Computador por Aluno o qual integro o grupo de formação da USP.


Fernanda Tardin: Como você vê a formação dos novos professores em relação ao uso das tecnologias nas escolas?
Cybele Meyer: A formação de professores para o uso das TIC em sala de aula está sendo bem aceita embora muitas pessoas digam o contrário. Criou-se um “bordão” em torno do professor onde se diz que o aluno, por ser nativo digital, sabe muito mais do que o professor e por esta razão formou-se um “abismo” entre eles. Pois eu acho justamente o contrário. O aluno é sim nativo digital e por esta razão se sente confortável diante da tecnologia, porém o professor tem a didática, que o aluno não tem, e é com a união destes dois saberes que se dará a parceria e consequente aprendizagem. Nas formações de professores são disponibilizadas diferentes possibilidades de uso da tecnologia explorando seu alto potencial e desenvolvendo atividades de ensino-aprendizagem. A ideia  é que para 2011 muitas escolas já integrem ao currículo o desenvolvimento de atividades com uso da tecnologia.

Fernanda Tardin: O que significa ser educador(a) nos dias de hoje?

Cybele Meyer: O Professor é aquele que leva o outro a pensar. Já dizia Descartes “Penso, logo existo”. Para transformar informação em conhecimento e consequente aprendizagem precisa de um mediador que instigue esta transformação através do pensar, e este mediador é o Professor. Só o professor, que tem a didática, promove a aprendizagem de muitos ao mesmo tempo. Professores formam pessoas. A matéria prima do professor é o ser humano. Portanto, a importância do Professor é a mesma sempre, o que varia são os recursos por ele usados. Hoje, posso dizer que vivemos um momento de transição em que a educação está caminhando com o objetivo de promover uma aprendizagem de qualidade para todos. Tarefa difícil dado o tamanho e a diversidade cultural do nosso país, mas estamos neste objetivo.

Fernanda Tardin: Em sua opinião qual é o papel das TIC’s  no processo de ensino-aprendizagem?
Cybele Meyer: O século XXI é o século da tecnologia, portanto não há como a educação caminhar à margem. Os recursos tecnológicos abrem uma gama de opções para que o aluno se sinta motivado para a aprendizagem. Além disso a tecnologia rompe a barreira dos muros da escola possibilitando um “estudar contínuo” esteja o aluno onde estiver. O professor ao utilizar as diferentes mídias instiga o aluno a acessá-las em casa ou no Laboratório de Informática no período em que não está na escola fazendo com que o aluno estude diariamente, desenvolva a linguagem escrita ao registrar seu comentário, forme opinião, estimule a linha de raciocínio e tantas outras habilidades e competências fundamentais para seu desenvolvimento.


Conheça um pouco mais sobre o trabalho de Cybele Meyer nas páginas:

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Pesquisa Escolar – 5 etapas

Acabei de ler na Revista Nova Escola, de Novembro, uma reportagem interessantíssima sobre como planejar uma boa pesquisa escolar. Quais os passos que o professor deve percorrer para organizar uma pesquisa e ajudar seus alunos a produzirem um trabalho de qualidade.

Como a própria revista cita:
“Pedir uma pesquisa sem planejá-la é perda de tempo. Você finge que ensina e a turma finge que aprende.”



Conheça as 5 etapas para realizar uma pesquisa eficiente e produtiva :
  1. Formular um boa pergunta
  2. Indicar fontes seguras aos alunos
  3. Ensinar a interpretar os dados coletados
  4. Orientar a produção escrita das descobertas
  5. Socializar os resultados da investigação
E para complementar assista este vídeo com Pedro Demo.




terça-feira, 9 de novembro de 2010

Cartilha: Bullying

Passeando pela internet encontrei no site do Dr. Lauro Monteiro, Observatório da Infância, esta cartilha maravilhosa sobre Bullying, muito informativa e esclarecedora.
No site você encontra um riquíssimo acervo de recursos para se informar melhor e trabalhar o tema em sua escola.
Vale a pena muitas visitas!

Professor(a), é só imprimir e utilizar com seus alunos.


Clique AQUI para baixar a cartilha.

Imprima também este TESTE e veja como está o seu conhecimento e o dos seus alunos sobre o tema.

Quer saber mais sobre o assunto? Acesse o site AGORA.


Fonte:
Acessado em 09 de novembro de 2010


Postagem anterior sobre o tema
Vídeos: Bullying

domingo, 7 de novembro de 2010

Filmes na Sala de Aula

Visitando o blog da querida Cybele Meyer encontrei um post maravilhoso intitulado “Filme – Recurso Pedagógico”.

Fonte: Google


Confira abaixo um trecho da postagem com meus grifos:

Filmes são excelentes linguagens e para compreendê-los é preciso muito mais do que assisti-los: é preciso refletir sobre eles.
Eles agem diretamente na sensibilidade das pessoas, portanto sua utilização traz uma resposta imediata e acessível.
É importante discutir principalmente quando o filme aborda temas de relevancia que podem resultar em mudanças atitudinais no dia-a-dia da criança.
É muito importante que os professores após a exibição de um filme, seja no cinema ou na escola, procure dialogar com os alunos sobre o enredo, sua mensagem, pontos que chamaram mais a atenção, cenas que se destacaram e assim por diante. É muito importante que se tenha um diálogo reflexivo e que se chegue a uma formação de opinião.
Deve-se ao escolher um filme que seja levado em consideração a faixa etária, pois assim ficará mais fácil o entendimento e a reflexão.


Acesse a postagem na íntegra AQUI.


Dicas de Sites onde os professores encontram dicas de filmes com resenhas:


sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Jogo dos Meteoritos – Multiplicação

Passeando pelos links da minha relação de favoritos encontrei este jogo.
Uma maneira divertida de colocar a garotada para exercitar a tabuada.
Cálculos mentais e raciocínio rápido.


Clique AQUI para jogar


segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Instituto Paramitas – Aprendizagem Baseada em Projetos

Informe-se abaixo sobre este curso que está sendo disponibilizado pelo Instituto Paramitas, gratuitamente, com carga horária de 40h e ainda concorra a um netbook.

sábado, 30 de outubro de 2010

Entrevista com Marise Brandão

Inspirada na experiência de alguns colegas blogueiros,  resolvi criar um espaço, aqui no Utilizando as Mídias na Educação, para entrevistar pessoas que tem experiência sobre o Uso das Tecnologias na Educação.

Minha primeira convidada é a querida Marise Brandão, Orientadora Tecnológica Educacional do Governo do Estado do Rio de Janeiro, em Barra do Piraí.



Prêmios conquistados por ela:

  • Projeto Meio Ambiente – MEC_UFRRJ – Decanato de Ensino de Graduação Coordenação de Mídias na Educação
  • 2º Lugar no Concurso de Aulas Virtuais – MOODLE MOOT PERÚ Comunidade MOODLE PERÚ  2007 F.A.T.L.A – Universidad Nacional de Trujillo BLOGANDO COM O SABER FORMA GOSTOSA DE APRENDER
  • Educador Inovador Microsoft Brasil 2008- 1º lugar na categoria Educador Inovador
  • I Fórum Latino-Americano de Educadores Inovadores – 1º lugar na categoria Colaboração
  • 4th Annual Worldwide Innovative Teachers Forum – 3º lugar categoria Comunidade
Entrevista realizada através de e-mail.

Fernanda Tardin: Fale um pouco sobre o seu trabalho com blogs na Educação.

Marise Brandão: Venho utilizando blog desde 2003, mas na educação iniciei em 2006 com uma turma do 4º ano e foi maravilhoso.
Trabalhei formas geométricas com meus alunos, depois fomos ao LIE, onde utilizaram o Paint para desenharem as figuras geométricas, salvaram como jpg e depois postaram no blog, eles ficaram muito mais motivados e a criatividade fluiu.
O blog se tornou o mural da turma, onde os seus trabalhos eram socializados e  não eram danificados nem jogados fora.
Durante todo o processo, eles desenvolveram várias habilidades, como: usar o Paint, salvar imagens, criar pastas, navegar na internet, postar no blog. Desde então, não deixei mais de utilizar o blog com minhas turmas.
Fernanda Tardin: Por que tantos professores ainda não utilizam o blog como recurso e estratégia pedagógicos? Quais as principais dificuldades?

Marise Brandão: Alguns não conhecem blog, outros não  tem noção do uso pedagógico do mesmo.
Muitas vezes o professor quer trabalhar, mas a escola não apresenta uma infraestrutura para dar suporte a este professor.
Outro detalhe que venho percebendo, é que existem muitos cursos de criação de blog, mas é raro o que introduz nestes cursos uma orientação de metodologias para seu uso pedagogicamente.
Então creio que quando entenderem para que e porque desenvolver o blog com suas turmas, teremos um quantitativo bem maior utilizando o blog na educação.
Fernanda Tardin: Quais os benefícios que o uso do blog pode trazer ao processo de ensino-aprendizagem?

Marise Brandão: São inúmeros, podemos citar o desenvolvimento da criatividade, a motivação para buscarem a construção do conhecimento, como também o desenvolvimento de várias habilidades e competências.
Quando o professor trabalha com blog com sua turma, são desenvolvidos vários processos, tais como:
  • Perceber, onde os alunos buscam e organizam todos os dados;
  • Comunicar, pois durante todo o processo eles trocam experiências, socializam suas ideias;
  • Relacionar, existe a colaboração, a interação e cooperação para o desenvolvimento;
  • Decidir, momento em que estabelecem as prioridades da publicação;
  • Criar,  onde eles criam a partir de suas ideais, buscam novas abordagens;
  • Avaliar, cada um avalia seus avanços, percebendo os processos criativos.

Fernanda Tardin: O que você diria aos professores que estão pensando em criar um blog?


Marise Brandão: Fazer um blog não é difícil, trabalhar com ele também não, então não percam mais tempo pensando.
É muito bom ver que seus alunos aprenderam, entenderam mesmo, que apresentaram novas possibilidades sobre o conteúdo que você trabalhou com eles.
Conheça um pouco mais sobre o trabalho de Marise Brandão e seus blogs AQUI.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Prevenção do Cansaço – Exercícios e Dicas

Hoje em dia, com o uso das tecnologias se ampliando cada vez mais, às vezes, passamos muito tempo em frente ao computador. E durante esse tempo esquecemos de observar nossa postura, mas depois temos que conviver com as dores nas costas, nos ombros, nos pulsos, etc.

Encontrei no site da Cambitolândia animações de alguns exercícios de alongamento e relaxamento, muito interessantes e necessários.


Dê uma passada por lá para conferir!
Basta alguns minutinhos para se exercitar.

Clique AQUI e experimente!

domingo, 24 de outubro de 2010

Apresentações de Slides Digitais

Visitando o Baú de Informática de Ivanise Meyer, encontrei uma postagem sobre Slides Digitais que me levou ao Texto “Uso pedagógico de apresentações de slides digitais” no Professor Digital, onde o Professor JC faz uma reflexão bem interessante sobre “velhas” e “novas” tecnologias.

Acesse o texto na íntegra AQUI.

Destacaria os seguintes tópicos:

  • Por que o professor deveria se interessar por apresentações de slides digitais (feitas em computador)?
  • Requisitos pedagógicos para uma boa apresentação de slides digital
  • Aspectos técnicos de uma boa apresentação
Professor(a) não deixe de conferir as dicas e deixe suas apresentações ainda melhores!

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Vídeo: Estudantes de Hoje

A Orientadora Tecnológica Educacional Marise Brandão, em uma entrevista a revistapontocom sugeriu que: “Todo professor deveria assistir este vídeo antes de se negar a usar as TICs com seus alunos”.

Vale a pena assistir!


Gostaria muito de saber o que você achou do vídeo.
Deixe um comentário! É rapidinho!


Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=PKzyGW-FIBw&feature=player_embedded

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Querido(a) Professor(a)!

Aos meus queridos amigos e visitantes professores apaixonados, minha homenagem ao
“Dia do Professor”.
Professor apaixonado é aquele que transmite muito mais que um conteúdo, ensina através dos seus atos, das suas palavras, dos seus gestos, conquista, cativa, envolve, demonstra para todos que ama o que faz apesar dos problemas e dos desafios.

sábado, 9 de outubro de 2010

Jogo: Letroca

Já conheço e utilizo o jogo Letroca há bastante tempo, mas percebi que ainda não o tinha postado aqui no blog. Então minha postagem de hoje é referente a ele.

O objetivo do jogo é usar as letras disponíveis para formar palavras.
Quanto mais palavras formar, mais pontos ganha.
Clique AQUI para jogar
A atividade além de desenvolver o raciocínio também irá proporcionar uma oportunidade de conhecer novas palavras e aperfeiçoar a grafia de outras.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Pesquisar este blog

Arquivo do blog

Para Refletir

“As velozes transformações tecnológicas da atualidade impõem novos ritmos e dimensões à tarefa de ensinar e aprender. É preciso que se esteja em permanente estado de aprendizagem e de adaptação ao novo.”

Vani Kenski

Divulgue para seus amigos


Receba as novidades do blog no seu e-mail

Digite seu e-mail aqui:

Delivered by FeedBurner

Lembre-se: Você terá que confirmar seu cadastro através de uma mensagem que receberá no seu e-mail.

Postagens Populares

One thought on “Utilizando as Mídias na Educação – Entrevista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *