Família, Sociedade e Escola: onde pretendemos chegar? #EducarEducador


Este foi o tema da 19ª Feira Educar Educador que aconteceu de 16 a 19 de maio 2012 no Centro de Exposições Imigrantes recebendo cerca de 10 mil educadores que vieram de todas as partes do Brasil e do mundo.

Veja a reportagem do Bom dia Brasil

Grandes nomes como os do Philippe Perrenoud (Suíça),  José Pacheco (Portugal), Tânia Zagury, Içami Tiba, Mário Sergio Cortella, Leila Navarro, Alícia Fernandez (Argentina), Sandra Bozza dentre tantos fizeram presença na Feira compartilhando saberes e promovendo reflexões para o exercício da prática pedagógica.

Crédito Berlitz Rick

Tive o privilégio de mediar o Talk Show do  Prof. Dr. Wassilios Fthenakis (Alemanha) que abordou os Desafios e Perspectivas de um Mundo Cada Vez Mais Globalizado e apresentou resultados das pesquisas realizadas na Alemanha e alguns outros países sobre as mudanças que assolam a sociedade e seus reflexos no modelo de família, no papel do pai e da mãe e consequentemente  na educação da criança.

A escola não tem como se manter à margem destas mudanças, por isso o professor Dr. Wassilios desenvolveu um sistema de ensino que tem como foco principal o estímulo das competências na criança. Ele acredita que reforçando estas competências a criança terá sua autoestima reforçada atuando como alavanca para que a aprendizagem aconteça.

Este sistema de ensino prioriza justamente o contrário do que muitas escolas fazem ressaltando sempre a má nota tirada, a dificuldade encontrada, e chamando os pais na escola somente quando o aluno tira nota baixa ou não se comporta bem.

Outro ponto por ele destacado – e que eu concordo plenamente – é o de que a educação deve ser valorizada desde a Educação Infantil.

Os primeiros anos são decisivos para o futuro escolar da criança.

Ganhei do professor Wassilios um DVD com parte dos seus estudos sobre o desenvolvimento da criança quando é potencializada em suas competências.

De certa forma tem uma relação com o meu estudo sobre a potencialização das inteligências como mais um recurso para promover a aprendizagem. As fotos acima foram tiradas do vídeo.

É claro que também retribui a gentileza dando-lhe um exemplar do meu livro Inteligêncas na Prática Educativa que ele se esforçou em ler o título em português.

Fechamos o encontro com um belo registro fotográfico. Foi uma experiência incrível.

5 thoughts on “Família, Sociedade e Escola: onde pretendemos chegar? #EducarEducador

  1. Gostaria de saber se este encontro já publicou alguns documentarios até mesmo amostras para que os profissionais da educação que não tiveram ascesso a estas oportunidades, isto mesmo, aquele que está no contato direto com o educando, sem uma visão mais elaborada até dos recursos educacionais que estão a seu alcance, possam conhecer e refletir sobre a sua prática.

    Cybele Reply:

    Olá Eulândia, tudo bem?

    Obrigada pelo carinho de sempre.
    Continuamos juntas em 2013.
    abraços
    Cybele Meyer e Equipe Educa Já!

  2. Cara Cybele,
    Conhecemos o blog e o achamos muito interessante! Parabéns!
    Somos uma instituição educativa sem fins lucrativos que dá apoio a escolas e professores(as) que trabalham com Jornal Escolar para múltiplas aprendizagens, expressão e cidadania de crianças e adolescentes, e aproximação entre escola e família. Visite o Portal do Jornal Escolar (www.jornalescolar.org.br). Se gostar, por favor, nos ajude a divulgar aos leitores do blog esse espaço e os recursos que são oferecidos gratuitamente.

    Grande abraço,
    Equipe do Comunicação e Cultura

    Cybele Reply:

    Olá Equipe Comunicação e Cultura,

    Agradecemos o contato e nos colocamos à disposição para parcerias.
    Aproveitamos a oportunidade para lhes desejar um 2013 repleto de grandes ações e realizações.
    abraços
    Equipe Educa Já!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *