Xeque Mate – Educação Digital

Olá amigos professores,

convido vocês para assistirem a entrevista que dei para a TV São Judas falando sobre Educação Digital.

O que vocês pensam a respeito do que foi abordado na entrevista?

3 thoughts on “Xeque Mate – Educação Digital

  1. Oi Cybele, gostei das suas reflexões, apontamentos e desenvolvimento da conversa. Só achei que o entrevistador precisava ter pesquisado mais sobre o assunto. Ele poderia ter aproveitado melhor a sua presença no programa com perguntas mais elaboradas, e não com “achismos” ou senso comum. Será que estou enganada na impressão que tive dele? Bom, assistindo ao vídeo achei ele um pouco despreparado para abordar o assunto.

    Abraços

    Cybele Reply:

    Olá querida Talita,

    Obrigada pela divulgação do vídeo e pelo comentário muito pertinente.
    Você disse uma grande verdade. O “achismo” e o senso comum rondam a educação e é por isso que muitos conceitos são mal interpretados e tidos como verdadeiros. Há inúmeros casos de leigos e desinformados que se consideram com expertise para falar e direcionar a trajetória da educação. Isto ocorre porque o professor, como está sempre na ativa, saindo de uma escola e entrando na outra durante todos os períodos do seu dia, não tem tempo e nem o hábito de registrar e divulgar suas ações e seus resultados dando a impressão de que o professor é um profissional ultrapassado e que pode ser substituído. Despertar no professor esta prática é uma das minhas grandes batalhas nas formações que realizo.
    Obrigada por enriquecer o Educa Já!
    beijinhos

  2. Falou tudo Cybele: temos que revelar o que acontece dentro da sala de aula. É isso que faço com a página JM na Educação diariamente. Mas sabe que isso é um esforço de anos que agora começa a fluir sozinho. Na maioria das vezes, quem não resiste em registrar e divulgar seus feitos são os próprios professores. Eu só consegui resultados quando, literalmente, coloquei como “obrigação, regra” enviar os registros das atividades. Agora a maioria tem gosto de fazer e vê a importância de divulgar seu trabalho, e faz isso sem eu pedir. Mas muitos ainda só mandam por obrigação. É preciso de atitude também, não acha?

    Beijos

    Talita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *