APAE DE SÃO PAULO lança campanha pelo Dia Internacional da Síndrome de Down #EducaJa

APAE

 

Organização lança campanha para conscientizar e promover a inclusão das pessoas com Deficiência Intelectual na escola, no trabalho e na sociedade.

Como parte das atividades alusivas ao Dia Internacional da Síndrome de Down, que acontece em 21 de março, a APAE DE SÃO PAULO lança a campanha “Ter mais um cromossomo não muda quem somos”. Além de buscar a reflexão e transformação sobre a Deficiência Intelectual, a campanha irá mostrar como a qualidade de vida das pessoas com Síndrome de Down pode ser melhorada e os cuidados de saúde que estes indivíduos precisam receber.

Dentre as ações, a Organização vai convidar os internautas a trocarem seus avatares e capas do Twitter e Facebook de 19 a 26 de março por imagens que remetam à campanha. Com o engajamento, a campanha espera levar a mensagem para o maior número de pessoas, fomentando o debate do exercício da cidadania das pessoas com Deficiência Intelectual. Para aderir à campanha, o internauta pode baixar as imagens no site da Organização: http://www.apaesp.org.br/Paginas/2103.aspx

A APAE DE SÃO PAULO atende as pessoas com Deficiência Intelectual, como a Síndrome de Down, em todas as fases de sua vida, do nascimento ao envelhecimento. A conscientização sobre a importância da participação deles na sociedade e o cumprimento do seu potencial pessoal é fundamental para que eles possam alcançar uma melhor qualidade de vida. Além do trabalho de prevenção da Deficiência Intelectual, a Organização oferece atendimento às pessoas com Síndrome de Down para estimulação e habilitação, educação inclusiva, apoio socioeducativo, qualificação e inclusão profissional e apoio ao envelhecimento.

A Síndrome de Down é uma ocorrência genética causada pela presença de um cromossomo 21 extra total ou parcialmente, que resulta em Deficiência Intelectual. Segundo a ONU, a incidência estimada da Síndrome de Down vai de um em mil a um 1,1 mil nascidos vivos em todo o mundo e, a cada ano, cerca de 3 mil a 5 mil crianças nascem com o distúrbio cromossômico.

Sobre a APAE DE SÃO PAULO

A APAE DE SÃO PAULO é uma Organização da Sociedade Civil, sem fins lucrativos, que há 52 anos promove a prevenção e a inclusão de pessoas com Deficiência Intelectual, produzindo e difundindo conhecimento. Atua desde o nascimento ao processo de envelhecimento, propiciando o desenvolvimento de habilidades e potencialidades que favoreçam a escolaridade e a atividade laboral produtiva, além de oferecer assessoria jurídica às famílias acerca dos direitos das pessoas com Deficiência Intelectual. Pioneiro no Teste do Pezinho no Brasil e credenciado pelo Ministério da Saúde como Serviço de Referência em Triagem Neonatal, o Laboratório APAE DE SÃO PAULO é o maior da América Latina em crianças triadas. Por meio do Instituto APAE DE SÃO PAULO, a Organização gera e dissemina conhecimento científico sobre Deficiência Intelectual com pesquisas e cursos de formação. Para colaborar, os interessados podem ligar para: 11 5080-7000, acessar www.apaesp.org.br ou enviar e-mail para atendimento@apaesp.org.br.