Menina Flor – Meu primeiro livro

É com imensa alegria que venho compartilhar a realização de um grande sonho – o lançamento do

meu primeiro livro infanto juvenil


Menina flor


Este sonho torna-se realidade num momento muito especial, pois seu lançamento acontecerá durante a 21ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Escrever é o meu passatempo preferido e abordar temas que venham a contribuir na conscientização de atitudes responsáveis é um comprometimento que trago sempre presente.

Foi com este foco que iniciei a criação da história desta Menina flor que nasceu numa floreira entre lindas flores diferentes da sua espécie.  Ser diferente era um dos motivos que levavam as outras flores a hostilizá-la, sendo, muitas vezes, chamada de erva – daninha.

Menina flor passa por situações tristes, engraçadas, de pânico de solidariedade e tantas outras que emocionarão quem ler a sua história. Temas como sustentabilidade, preconceito, família, solidariedade e valores são abordados de forma lúdica e didática.

Esta obra é indicada para crianças de 08 a 13 anos, para professores, pais, avós e todos aqueles que se sintam comprometidos com a conscientização da importância do meio ambiente.

Abordar assuntos importantes é decisivo para a formação da criança em relação a si mesma e ao mundo à sua volta, pois contribui para a formação do seu senso crítico e da sua capacidade de análise e avaliação das questões pertinentes à formação das suas convicções.

Há sugestão de atividades para ser aplicada em sala de aula ao final do livro e um jogo de tabuleiro com ações de sustentabilidade o qual o leitor porderá brincar com a Menina flor.

Portanto, convido todos vocês para o lançamento do meu livro na

21ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo – No Anhembi

No dia 15 de agosto no stand da Litteris Editora

Das 13h às 14h30

Eu e a Menina Flor esperamos por vocês!


É com imensa alegria que venho compartilhar a realização de um grande sonho – o lançamento do meu primeiro livro infanto-juvenil-

Menina flor

Este sonho torna-se realidade num momento muito especial, pois seu lançamento acontecerá durante a 21ª Bienal do Livro de São Paulo.

Escrever é o meu passatempo preferido e abordar temas que venham a contribuir na conscientização de atitudes responsáveis é um comprometimento que trago sempre presente.

Foi com este foco que iniciei a criação da história desta Menina flor que nasceu numa floreira entre lindas flores diferentes da sua espécie.  Ser diferente era um dos motivos que levavam as outras flores a hostilizá-la, sendo, muitas vezes, chamada de erva – daninha.

Menina flor passa por situações tristes, engraçadas, de pânico de solidariedade e tantas outras que emocionarão quem ler a sua história. Temas como sustentabilidade, preconceito, família, solidariedade e valores são abordados de forma lúdica e didática.

Esta obra é indicada para crianças de 08 a 13 anos, para professores, pais, avós e todos aqueles que se sintam comprometidos com a conscientização da importância do meio ambiente.

Abordar assuntos importantes é decisivo para a formação da criança em relação a si mesma e ao mundo à sua volta, pois contribui para a formação do seu senso crítico e da sua capacidade de análise e avaliação das questões pertinentes à formação das suas convicções.

Portanto, convido todos vocês para o lançamento do meu livro na

21ª Bienal do Livro de São Paulo – No Anhembi

No dia 15 de agosto no stand da Litteris Editora

Das 13h às 14h30

Eu e a Menina Flor esperamos por vocês!