Datas comemorativas – DIA DOS PAIS continuação

Teatro Uma viagem ao mundo dos Brinquedos
Coreografia e Teatro: Monique Saliba

Fonte: Projetos Pedagógicos Dinâmicos

Duração: 45 minutos

Tema: Festa do Dia dos Pais

Cenário: Painel de TNT com desenhos de brinquedos antigos desde o tempo do vovô pintado pelas crianças.

Decoração: Montar uma exposição de brinquedos antigos até os brinquedos atuais contando como numa linha de tempo.

Problematização: Ganhar brinquedo é o sonho de consumo de qualquer criança, mas que tal ensinar seu filho ou seus netos outras formas de brincar? Além de desenvolver a coordenação motora e a sociabilidade, as brincadeiras em grupo, realizadas na pracinha, no quintal de casa ou no play dos prédios de apartamentos desenvolvem nas crianças a paciência e a competição saudável e, além disso, resgatar como era a brincadeira no tempo dos pais de vocês? Ela ainda permanece nos dias atuais? Existem outros tipos de brincadeiras? Qual a sua preferida?

Objetivo : Esse Projeto foi desenvolvido na Escola Infantil Cia do Aprender (Belo Horizonte – MG ) para que pudéssemos resgatar os brinquedos e brincadeiras de antigamente e com isso os nossos alunos vivenciassem e integrassem juntamente com os pais a necessidade de brincar e promover por meio da história oral o contato com outras brincadeiras para além do conhecimento da criança, permitindo uma relação entre brincadeira e cultura.

Roteiro do Teatro Realizado na Festa do Dia dos Pais

(Menina) Ai eu preciso chegar na fase final desse jogo, nossa eu vou zerar meu placar! Eu preciso jogar mais e mais!

(Fada do Tempo) Oi…

(Menina) Quem é você?

(Fada do Tempo) Sou a Fada do tempo!

(Dança Fada do Tempo e Menina com a Música Ser Criança é bom demais do Rubinho do Vale)

(Menina) De onde você veio?

(Fada do Tempo) De dentro do seu computador, eu estou em toda parte que se conta uma história. Adoro guardar os momentos especiais em minha memória, para jamais ficarem esquecidos.

(Menina) Mas o que você veio fazer aqui?

(Fada do Tempo) Vim te tirar da frente desse computador, para viajarmos no tempo. Sonhos, fantasias e ilusões, quem nunca sonhou em viver uma fantasia? Quando falamos em sonhos e fantasias lembramos sempre das crianças. Ah, o tempo passa tão depressa e a gente cresce, mas nunca se esquece que fomos crianças um dia. E por falar em criança é preciso lembrar que dentro de cada um de vocês pais, existem uma criança que como todas outras tem lindos sonhos. Com vocês nossos pequeninos trazendo a magia da história dos brinquedos e brincadeiras.

(Menina) Nossa de que o papai, o vovô e a mamãe brincavam?

(Fada do Tempo) Desde o tempo do vovô, da vovó, do papai e da mamãe eles brincavam e se divertiam com muita criatividade e alegria. Quem não se lembra do companheiro no soninho, dorme sempre no cantinho, se faltar o travesseiro ele é muito fofinho, com vocês os ursinhos de pelúcia que existem desde o século XIX.

(Dança Berçário cada um com seu ursinho com a Música Ursinho Pimpão do Balão Mágico)

(Fada do Tempo) A bola é um dos brinquedos mais antigos, é uma paixão nacional, toda criança desde cedo adora brincar de bola e torcer pelo seu time.

(Menina) Cadê a torcida do galo? E a do cruzeiro? E a do Brasil?

(Dança Maternal I com as bolas coloridas com a Música Enrola Bola do Rubinho do Vale)

(Fada do Tempo) Nossa o tempo passa, mas ninguém se esquece do seu trenzinho de brinquedo que existe desde 1835, muito antes de passear de Maria Fumaça.

(Dança o Maternal II com a música Trenzinho de Minas de Rubinho do Vale)

(Menina) Ah sabe Fada do tempo eu adoro brincar de boneca, mas até havia me esquecido por que só jogava joguinhos no computador.

(Fada do Tempo) As bonecas de pano de antigamente eram costuradas pelas mães e avós. A cada brincadeira nova, as meninas queriam roupinhas diferentes, todas feitas à mão. As garotas brincavam de casinha e tinham todos os acessórios para aumentar a festa, como panelas, pratos, talheres de plástico e paninho.

(Dança as meninas do Maternal II com a Música Bonequinha do Cd Baby Hits)

(Menina) Todos esses brinquedos o papai, o vovô e a mamãe brincavam e existem até hoje.

(Fada do Tempo) É verdade brincar faz parte da vida de toda criança e com isso podemos imaginar e sonhar. Sabe outro brinquedo que é muito antigo e aposto que todos os papais aqui já brincaram um dia, é o cavalinho de pau que surgiu há muito tempo.

(Dança o Maternal III com a Música Cowboy do Amor do Balão Mágico)

(Fada do Tempo) A eu adoro brincar com esses brinquedos antigos, mas havia me esquecido deles. Tem, o bambolé, a bolinha de sabão, pular corda, pular elástico e soltar pipas.

(Fada do Tempo) A pipa surgiu a mais de três mil anos e também é chamada de papagaio. É a maior alegria soltar pipa com nosso papai,

Vovô no parque ou pracinha e se divertir pra valer.

(Crianças) É uma brincadeira que você mesmo faz, monta a pipa e coloca no céu.

(Dança do 1º Período com a Música da Pipa de Rubinho do Vale)

(Menina) Mas hoje temos lindos brinquedos que foram cada vez mais ficando mais famosos.

(Fada do Tempo ) Encantando gerações a mais de 50 anos as Barbies sempre foram á preferência de todas as meninas que adoram maquiar e dançar como ela.

(Crianças) Viemos dançar, cantar para vocês.

(Dança o 2º Período com a Música Barbie do CD Barbie Hits)

(Fada do Tempo) Nossa viagem está chegando ao fim, viajamos pelo tempo e lembramos de como é bom brincar de várias brincadeiras e não somente ficar jogando computador e mais que isso o melhor de tudo é convidar o papai, o vovô e até a mamãe para brincarem com vocês nesse mundo da imaginação.

Papais precisamos contar um segredo essa linda festa foi feita especialmente para todos vocês .

(Cantar a Música Dia dos Pais do Balão Mágico com todos os alunos)

SUGESTÕES PARA O DIA DOS PAIS

Fonte: Pra gente miúda

Clique sempre nas figuras pra vê-las em tamanho natural

GRAVATEIRO DO PAPAI

LEMBRANÇAS PARA O PAPAI

Clique sempre nas figuras para vê-las em tamanho real

BILHETINHOS PARA A SEMANA

MAIS IDÉIAS

CONCURSOS

O Educar Já! é um dos parceiros dos concursos culturais do site Desabafo de Mãe e, neste mês, será responsável em definir o terceiro colocado do concurso Escola.

A regra é simples: quem é meu leitor basta comentar aqui se acredita que há experiência positiva que envolve pais e professores.

Depois basta escrever seu desabafo no site Desabafo de Mãe sobre uma experiência positiva como pai ou mãe que vivenciou com seu filho.

O Educar Já vai sortear um livro para o terceiro colocado, que será adquirido pelo Desabafo de Mãe durante a Bienal do Livro, que acontece entre os dias 14 a 24 de agosto.

************************************************************************************
EducaCamp

Você ainda tem oportunidade de ganhar uma camiseta do EducaCamp, para isso basta escrever um desabafo sobre uma experiência positiva que aconteceu com você, pai, mãe ou responsáveis pela criança, na escola, no blog Desabafo de Mãe.

Como diz Ceila:
“O concurso vai até dia 21 de agosto, quando o blog da Cybele Meyer, responsável pela organização do EducaCamp em parceria conosco e a Lúcia Freitas, comemora um ano de muita troca, parceria e realizações. E nada melhor que parabenizá-la por esse um ano de blog com muitos desabafos de pais mostrando que há soluções para os conflitos entre pais e professores SIM!”

Para escrever o desabafo clique AQUI.

Datas comemorativas – DIA DOS PAIS

Queridos amigos professores,

Foram bem de Férias? Descansaram bastante?

Estou feliz por estarmos de volta às nossas atividades.

Estou feliz também porque este mês é o mês de aniversário do Educar Já! e as comemorações estão sendo intensas.

O curso “A ARTE DE CONTAR HISTÓRIAS” está chegando ao seu final (24 de agosto) e o resultado está sendo MARAVILHOSO! As professoras estão participando intensamente. O convívio e interação diária que estamos tendo fizeram surgir uma amizade ainda maior e mais sólida. Pudemos nos conhecer e fazer grandes trocas. Está sendo um presente para mim.

Teve também o sorteio das camisetas, que já foram entregues, e que os ganhadores ficaram felizes.

Hoje estou enviando para a PAPIRUS EDITORA as frases do CONCURSO. Agradeço a todos que participaram e no dia do aniversário do blog – 21 de agosto – publicarei o nome dos três vencedores.

Então vamos trabalhar!

DIA DOS PAIS

NÃO DEIXEM DE OLHAR A POSTAGEM ANTERIOR SOBRE O DIA DOS PAIS.

PARA VER CLIQUE AQUI

O que comemorar no Dia dos Pais?

Extraído do Portal da Família

Do latim pater, a palavra pai designava originalmente toda pessoa que dava origem a outro ser. O Direito Romano, base de nosso ordenamento civil, conferia ao pai o título de paterfamiliae, o cidadão romano chefe de família. Já definiam os romanos que “is est pater quem justae nuptiae demonstrant” (o pai legítimo é aquele que o matrimônio como tal indica). E nesta condição, todos os seus descendentes a ele se vinculavam sem poder de oposição, onde se incluía a própria esposa.

Durante todo o século XX convivemos no Brasil com o pátrio poder onde todas as decisões da família eram tomadas apenas pelo homem da casa, tendo a esposa apenas participação colaborativa, mas não decisiva. Apenas com o novo Código Civil, em vigor desde 11 de janeiro de 2003, substituiu-se esta expressão (diga-se ultrapassada) para poder familiar, onde marido e mulher, juntos, deliberam consensualmente sobre os destinos de uma família.

Em sentido jurídico, pai é o ascendente masculino de primeiro grau. Eis, portanto, a definição legal. Mas a palavra pai não se limita a letra da Lei e surge de formas variadas em nosso dia a dia. O Dicionário Houaiss aponta com precisão um sem número de variáveis. É o “pai da pátria” (defensor de um país), “pai da criança” (autor de uma idéia), “pai das queixas” (delegado de polícia), “pai Gonçalo” (marido sem iniciativa, dominado pela mulher), “pai mané” (indivíduo ingênuo), “pai dos burros” (dicionário) e assim por diante. Eis aqui a definição popular.


Da mesma raiz latina encontramos a palavra paternitas, mostrando a qualidade ou o fato de ser pai, designando o liame jurídico que une pai e filho. E assim fiz minha enquete caseira e pedi aos meus filhos que definissem a palavra paternidade. Surpreendidos com uma pergunta tão inusitada, meu filho de 13 anos disse “o direito do pai ter a guarda do filho”. Minha filha de 11 anos disse “é o que o pai passa para o filho”. E meu caçula de 3 anos, bem, confesso que não insisti com ele ante o olhar entediado daquele questionamento.

Com as definições jurídica, popular e familiar, concluo que pai tem, sobretudo, forte conotação de hierarquia, de poder, de gestão. Neste Dia dos Pais, em que o ego masculino fica ainda mais comprometido, uma autocrítica é sempre bem vinda, a começar pela readequação da expressão poder familiar. O Código Civil, que em seu artigo 1.630 substituiu a expressão pátrio poder por poder familiar, deveria ter disposto, em substituição, a expressão pátrio dever ou, sendo fiel ao novo texto legal, dever familiar. A paternidade não institui direitos sobre os filhos, mas sim deveres para com os mesmos.

O artigo 1.634 do Código Civil é preciso ao determinar aos pais a garantia da criação e educação de seus filhos. E isto não se dá apenas no sustento material ou alimentar, mas também e especialmente no exemplo moral, de forma que a geração vindoura tenha corretamente moldado seu caráter. E ao contrário das obrigações conceituais, onde a contraprestação deste dever familiar se dá de forma pecuniária (custeio da educação, alimentação, vestuário, etc.), o exemplo moral requer comprometimento, renúncia e vocação. Não se pode exigir de outras pessoas atitudes que nós mesmos não adotamos, regra esta que seguramente se aplica de pai para filho.

Neste dia 10 de agosto festejamos o Dia dos Pais. Não se pode defini-lo como uma data do calendário civil. Estas têm dia certo e um caráter público institucional, como 21 de abril ou 07 de setembro. O Dia dos Pais também não é uma data religiosa, o que dispensa maiores justificativas. Portanto, deveríamos concluir ser um dia meramente comercial cujo ápice ocorre na entrega dos tradicionais presentes. E assim será apenas se o paterfamiliae deixar ser.

Mas esta data poderá ser vista de outra forma. Porque da palavra paternidade vem a raiz do adjetivo “paterno” que, outra vez recorrendo ao Mestre Houaiss, significa “que lembra o amor de pai; carinhoso, afetuoso, paternal”. Ou seja, a maior gratificação do Dia dos Pais não é receber um presente do filho, mas em oferecer um carinho para ele.

Luiz Kignel

MENSAGENS PARA O DIA DOS PAIS

Extraído do Literarte

CANÇÃO DE AMOR
Luiz Carlos Amorim

Vem, pai,
senta-te à soleira
do meu coração
e me conta
uma história de vida.
Encosta a tua cabeça
num pedacinho da minha alma
e me canta
uma canção de ninar.
Depois, diga-me, por favor,
um poema de amor,
um daqueles
que quase ninguém disse,
e só você pode me dizer…

***************************************

PAI…
Aracely Braz

Brotei de ti,
Porque me deste o ser.
Copiei de ti
Humildade, crença, viver!
Refletes em mim
A pureza e amor
Que em teu caminho ficou.
Pai!
Quisera eu vencer
O firmamento
E num momento
Transpor do espaço
A imensidade
Da minha saudade…
Te agradeço
Dos vendavais o brilho!
Ajuda-me a pontilhar
O mesmo trilho
Que um dia pontilhaste, pai!

**************************************

AS MÃOS DE MEU PAI
Mário Quintana

As tuas mãos têm grossas veias como cordas azuis
Sobre um fundo de manchas já da cor da terra
Como são belas as tuas mãos
Pelo quanto lidaram, acariciaram
Ou fremiram da nobre cólera dos justos…
Porque há nas tuas mãos, meu velho pai,
Essa beleza que se chama simplesmente vida.
E, ao entardecer, quando elas repousam
Nos braços da tua cadeira predileta,
Uma luz parece vir de dentro delas…
Vira dessa chama que pouco a pouco, longamente,
Viste alimentando na terrível solidão do mundo.
Como quem junta uns gravetos e tenta acendê-los
Conta o vento.
Ah, como os fizeste arder, fulgir, com o milagre das tuas mãos.
E é, ainda, a vida que transfigura as tuas mãos nodosas…
Essa chama de vida – que transcende a própria vida…
e que os anjos, um dia, chamarão de alma…

********************************************

TRINDADE
Angela Togueiro

Nós dois ali…
O balanço… A bicicleta… O parque…
O jardim… A bola que rola… O tombo…
Olhando as travessuras
E as desventuras do meu filho,
Teu neto.
Entre nós e de nós, um passado:
As mesmas travessuras,
As mesmas desventuras.
O mesmo abraço,
As mesmas palavras
De consolo e ânimo.
Nosso olhar que se encontra
No átimo fugaz de um passado
Tão presente, tão hoje, tão agora. Tão futuro
Paiiiiiiiiiiê! Paiiiiiiiiiiê!
Um grito que nos chega,
de nós mesmos. Do meu filho.
Um abraço único,
Que nos une
Cada dia mais,
No parque da vida,
No jardim das recordações,
Seguindo exemplos,
Dando os mesmos passos,
Querendo acertar sempre.
Travessuras… desventuras… Vida.
Trindade abençoada!

Lembrancinha para o Dia dos Pais: Porta Lápis

Extraído do Criando Criança

Esse porta lápis é feito de caixas de leite, super fácil e custa quase nada.

Material:

Duas embalagens de leite (uma retangular e uma quadrada)
Papel alumínio
Um pedaço de madeira ou papelão grosso
Cola quente
Tinta Spray

Pondo a mão na massa:

Recorte a parte de cima das caixas deixando quatro pontas nos cantos. A caixa retangular deve ficar mais alta do que a quadrada;

Revista as caixas com papel alumínio e faça desenhos com a cola quente;

Fixe o conjunto no suporte de madeira/papelão grosso e pinte com tinta spray.

Extraído do Smart Kids

CLIQUE NAS FIGURAS PARA AUMENTÁ-LAS

CARTÕES PARA COLORIR

APRESENTAÇÃO

Rock do tempo do papai…
Extraído do Paixão de Educar

Material Necessário:
– perucas coloridas (1 para cada aluno)
– óculos coloridos (1 para cada aluno)
– guitarras – de brinquedos ou feitas de papel (1 para cada aluno)

Os materiais serão usados para uma apresentação em homenagem aos pais.Podem ser comprados ou confeccionados pela professora juntamente com os alunos – o que os torna mais significativos.

É importante ensaiar prévia e animadamente as crianças para que no dia da apresentação sintam-se a vontade.

A melodia sugerida é simples e dependendo da faixa-etária e do nível da turma pode-se aproveitar para explicar o que é uma paródia, levando a música original para que escutem em aparelho de som e em seguida propor que criem outras paródias com melodias e ritmos de músicas que conhecem e gostem. No final um livrinho das paródias da turma pode ser montado.

Idéia: Se o tema de todas as paródias criadas pelas crianças for em homenagem aos pais, o próprio livro, ilustrado, com fotos, e encadernado,pode ser a lembrança de dia dos pais.

O importante é usar a criatividade!

Para as crianças que não possuem a presença paterna o melhor a fazer é encarar naturalmente e sugerir a presença de alguém querido da família.

AO PAPAI EU OFEREÇO

( Melodia: Namoradinha de um amigo meu – canção de Roberto Carlos )

Ao papai eu ofereço
Todo o carinho do meu coração
Você que me alegra a vida
Precisa receber a minha gratidão
Dom, Dom, Dom, Dom!

Um dia eu nasci
Aprendi a falar
E você vai ter que me escutar

Vou esperar mamãe
E eu vou lhe falar
Que você é gente fina
E que pra sempre eu hei de te adorar
Que você é gente fina
E que pra sempre eu hei de te adorar!
Autoria: Paty Fonte

A melodia sugerida é simples e dependendo da faixa-etária e do nível da turma pode-se aproveitar para explicar o que é uma paródia, levando a música original para que escutem em aparelho de som e em seguida propor que criem outras paródias com melodias e ritmos de músicas que conhecem e gostem. No final um livrinho das paródias da turma pode ser montado.

Idéia: Se o tema de todas as paródias criadas pelas crianças for em homenagem aos pais, o próprio livro, ilustrado, com fotos, e encadernado,pode ser a lembrança de dia dos pais.

CURSO EM EAD – “A arte de contar histórias”

O ser humano sempre adorou contar histórias. O hábito de contar história é milenar tendo origem antes mesmo da escrita a qual eram passadas de geração para geração através da fala onde cada um dava seu toque pessoal.Você que aprecia contar histórias poderá participar do curso “A arte de contar histórias”
Você adora contar histórias? Então se inscreva no nosso curso.
Saiba como proceder clicando AQUI

***********************************************************************************

Você já pode se inscrever no I Congresso de Tecnologias na Educação:

* como leitor,

* para apresentação de artigos,

* relatos de experiências

* e para fazer minicursos.

Corra porque as vagas estão se esgotando.

Leia mais sobre o Congresso e faça sua Inscrição no Site do Congresso, neste link.

*********************************************************************************

O Educacamp vai pro nordeste

Pois é amig@s. Depois de uma bela edição na “cidade que não para”, o
Educacamp migra para terras mais quentes. O próximo destino é…
Fortaleza!

Lá, dos dias 19 a 23 de agosto, acontecerá o I Encontro de Educação e
Inclusão Digital com Software Livre, como parte do III Congresso
Estadual de Software Livre – Ceará (CESoL). E uma das atividades do
encontro é justamente a segunda edição do Educacamp.

Serão disponibilizados diversos espaços na estrutura do evento para que
as pessoas possam apresentar painéis, organizar encontros e
intervenções e interagir com softwares educacionais em laboratórios e
na “Tenda de Inclusão Digital”.

Maiores detalhes (e formulário de inscrição) podem ser encontrados na página oficial do congresso:
http://cesol. gelsol.org/ node/22.

Portanto, ‘bora lá pra Fortaleza falar de educação e tecnologia!

Datas comemorativas – DIA DOS PAIS

CONTAGEM REGRESSIVA– Faltam 11 dias para o
I EducaCamp – Encontro de Professores Blogueiros.



Saiba mais acessando AQUI

A origem do Dia dos Pais

Fonte: Portal da Família

Conta a história que em 1909, em Washington, Estados Unidos, Sonora Louise Smart Dodd, filha do veterano da guerra civil, John Bruce Dodd, ao ouvir um sermão dedicado às mães, teve a idéia de celebrar o Dia dos Pais. Ela queria homenagear seu próprio pai, que viu sua esposa falecer em 1898 ao dar a luz ao sexto filho, e que teve de criar o recém-nascido e seus outros cinco filhos sozinho. Algumas fontes de pesquisa dizem que o nome do pai de Sonora era William Jackson Smart, ao invés de John Bruce Dodd.

Já adulta, Sonora sentia-se orgulhosa de seu pai ao vê-lo superar todas as dificuldades sem a ajuda de ninguém. Então, em 1910, Sonora enviou uma petição à Associação Ministerial de Spokane, cidade localizada em Washigton, Estados Unidos. E também pediu auxílio para uma Entidade de Jovens Cristãos da cidade. O primeiro Dia dos Pais norte-americano foi comemorado em 19 de junho daquele ano, aniversário do pai de Sonora. A rosa foi escolhida como símbolo do evento, sendo que as vermelhas eram dedicadas aos pais vivos e as brancas, aos falecidos.

A partir daí a comemoração difundiu-se da cidade de Spokane para todo o estado de Washington. Por fim, em 1924 o presidente Calvin Coolidge, apoiou a idéia de um Dia dos Pais nacional e, finalmente, em 1966, o presidente Lyndon Johnson assinou uma proclamação presidencial declarando o terceiro domingo de junho como o Dia dos Pais (alguns dizem que foi oficializada pelo presidente Richard Nixon em 1972).

No Brasil, a idéia de comemorar esta data partiu do publicitário Sylvio Bhering e foi festejada pela primeira vez no dia 14 de Agosto de 1953, dia de São Joaquim, patriarca da família.

Sua data foi alterada para o 2º domingo de agosto por motivos comerciais, ficando diferente da americana e européia.

Em outros países

Pelo menos onze países também comemoram o Dia dos Pais à sua maneira e tradição.

Na Itália e Portugal, por exemplo, a festividade acontece no mesmo dia de São José, 19 de março. Apesar da ligação católica, essa data ganhou destaque por ser comercialmente interessante.

Reino Unido – No Reino Unido, o Dia dos Pais é comemorado no terceiro domingo de junho, sem muita festividade. Os ingleses não costumam se reunir em família, como no Brasil. É comum os filhos agradarem os pais com cartões, e não com presentes.

Argentina – A data na Argentina é festejada no terceiro domingo de junho com reuniões em família e presentes.

Grécia
– Na Grécia, essa comemoração é recente e surgiu do embalo do Dia das Mães. Lá se comemora o Dia dos Pais em 21 de junho.

Portugal
– A data é comemorada no dia 19 de março, mesmo dia que São José. Surgiu porque é comercialmente interessante. Os portugueses não dão muita importância para essa comemoração.

Canadá – O Dia dos Pais canadense é comemorado no dia 17 de junho. Não há muitas reuniões familiares, porque ainda é considerada uma data mais comercial.

Alemanha – Na Alemanha não existe um dia oficial dos Pais. Os papais alemães comemoram seu dia no dia da Ascensão de Jesus (data variável conforme a Páscoa) . Eles costumam sair às ruas para andar de bicicleta e fazer piquenique.

Paraguai – A data é comemorada no segundo domingo de junho. Lá as festas são como no Brasil, reuniões em família e presentes.

Peru – O Dia dos Pais é comemorado no terceiro domingo de junho. Não é uma data muito especial para eles.

Austrália- A data é comemorada no segundo domingo de setembro, com muita publicidade.

África do Sul – A comemoração acontece no mesmo dia do Brasil, mas não é nada tradicional.

Rússia – Na Rússia não existe propriamente o Dia dos Pais. Lá os homens comemoram seu dia em 23 de fevereiro, chamada de “o dia do defensor da pátria” (Den Zaschitnika Otetchestva).

Independente do seu lado comercial, é uma data para ser muito comemorada, nem que seja para dizer um simples “Obrigado Papai” !

DIA DOS PAIS

Extraído do PPD – Projetos Pedagógicos Dinâmicos

“O dia do papai vai chegar, e um lindo presente quero comprar.

Fui nas lojas olhei, olhei, mas nada encontrei…

O presente do papai, não há dinheiro no mundo que possa comprar.

O que vou lhe ofertar?

Ah! Já sei… O melhor presente é o meu carinho, meu amor e minha dedicação.

A ele entregarei o meu coração”


Alunos atendidos:
Educação Infantil (Podendo ser adaptado às turmas de 1 o ao 5 o ano do Ensino Fundamental)
Duração: Aproximadamente 5 horas.

Tema: Data Comemorativa – Dia dos Pais

Objetivos:

Ao término da aula os alunos deverão ser capazes de:

Valorizar a figura paterna.
Expressar-se oralmente, desenvolvendo a linguagem.
Reconhecer as qualidades paternais.
Elaborar pequenos textos e frases simples.
Produzir diálogos, demonstrando criatividade.
Demonstrar sincronia, entonação de voz e harmonia durante interpretação de música.
Trabalhar em grupo demonstrando bom relacionamento.

Procedimentos:

Ensinar a canção “Dia dos Pais” aos alunos e propor que cantem animadamente.
Conversar sobre o pai das crianças: seus nomes, profissões, ,atividades que a criança realiza com ele e suas características físicas e de personalidade. Se possível pedir alguns dias antes para que cada um leve uma foto de seu pai para mostrar aos amigos.
Promover dramatizações com os alunos: como é meu papai trabalhando, como ele fica em casa, como eu vejo meu pai, etc. As crianças podem, também, realizar pantomimas representando o pai triste, zangado ou alegre.

Montar um mural onde deverá estar escrito: Meu papai é… Cada um deverá completar com palavras, frases e ilustrações (desenhos ou recorte e colagem).
Incentivar as crianças a confeccionarem lembrancinhas para presentear os pais.

Durante a semana dedicada ao papai: Trabalhar a figura humana e o respeito às suas diferenças, ler livros, cantar, recitar e fazer atividades de recorte, modelagem ,desenho livre ou pintura, sobre o tema.

DIA DOS PAIS
(Melodia: Terezinha de Jesus )

Entre as festas da família,
Existe o Dia dos Pais;
Procuremos sempre amá-los
Sendo filhos bem legais.

Aos nossos queridos pais,
Prestamos esta homenagem,
Pedindo que nos perdoem
Toda a nossa traquinagem.

Ao lado na mamãezinha
Guardemos com gratidão,
O querido papaizinho
Bem dentro do coração!

OBS: As crianças que não têm a presença do pai biológico devem participar da aula normalmente. Cabe ao professor tratar com naturalidade do assunto e conversar sobre as diferentes famílias existentes nos dias de hoje , deixando claro que o PAI homenageado é o homem que nos dedica amor e carinho, independente dos laços consaguíneos.

Sugestão de Lembrança

Material Necessário:

fotos das crianças com seus pais
capas antigas de CDs
Colas glíter (próprias para vidros ) nas cores preferidas.
Simples de fazer alem de ser um presente ecologicamente correto.

Pode-se, ainda, enviar um CD especial com gravação das vozes das crianças ou das canções prediletas dos pais.

As músicas devem ser escolhidas levando em conta os mais variados estilos (rock, sertanejo, pop, internacional, mpb, etc.), considerando os gostos diferenciados de cada pai e valorizando a multiplicidade cultural das famílias dos alunos.

“Neste dia, papai
Eu quero, de coração,
Dar-lhe um beijo e um abraço
Em sinal de gratidão.
Neste domingo de agosto,
Com todo afeto e carinho,
Quero abraçar, com amor,
Meu querido papaizinho.
Ao papai de coração
Eu desejo ,neste dia
Muitos anos de existência
Saúde, paz e alegria!”

Gincana de Dia dos Pais

Segue um roteiro com sugestões de tarefas para a realização de uma gincana em comemoração ao dia dos pais. Cabe a cada instituição escolar adaptar a sua realidade.

Vale a pena oferecer às crianças uma tarde de puro prazer e diversão com seus pais.

Caracterização das Equipes – pais e crianças devem ser separados em grupos por cores. Todos podem receber uma faixa de cabeça da cor de sua equipe.

Tarefa 1 – – Criar e apresentar o “grito de guerra” da equipe – o melhor ganhará 10 pontos.

Tarefa 2 – A equipe que conseguir arrecadar a maior quantidade de alimentos não perecíveis ganhará 50 pontos.

OBS: Todos os alimentos devem ser doados a uma instituição de caridade.

Tarefa 3 – O pai que apresentar um número musical ou teatral (cantando, dançando ou dramatizando) ganhará 10 pontos.

Tarefa 4 – A equipe que fizer o maior número de pontos, numa cesta de basquete, no decorrer de 1 minuto, ganhará 10 pontos.

Tarefa 5 – Corrida de Vassouras:

Material Necessário: 1 cone ( para marcar o retorno ) e algumas vassouras, de preferência de palha de arroz.

Cada equipe recebe 1 vassoura.

Um dos alunos deverá sentar-se sobre a vassoura e segurar no cabo.

O seu pai o puxará até dar a volta no cone e chegar à linha de partida

(que também será a linha de chegada).

Dê a largada para que inicie a corrida. Se algum, participante cair da vassoura, terá que voltar de onde caiu e seguir novamente.

A dupla que chegar primeiro vence ganhando 10 pontos.

Tarefa 6 – A dupla (pai e filho) que fizer o melhor trabalho em argila ganha 10 pontos para sua equipe.

Tarefa 7 – Amarrar bexigas coloridas nas pernas de pais e filhos e ao som de uma música dançante os participantes enquanto dançam tentarão estourar as bexigas dos demais. A equipe que sobreviver ganhará 10 pontos.

Tarefa 8 – Fantasia-se as crianças com chapéus, óculos, cachecol, etc. Os pais com os olhos vendados terão que reconhecer quem é o seu filho. A equipe que tiver maior número de acertos ganhará 10 pontos.

Tarefa 9 – A equipe que levar o palhaço mais engraçado ganhará 10 pontos.

Tarefa 10 – Quem confeccionar juntamente com seu filho algo útil ou artístico feito com sucata ganhará 10 pontos.

OBS: Pode ser realizada uma bela exposição!

Bons Pais corrigem erros, pais brilhantes ensinam a pensar.

Bons pais corrigem erros, pais brilhantes ensinam a pensar. Entre corrigir erros e ensinar a pensar existem mais mistérios do que imaginam nossa vã psicologia. Não seja um perito em criticar comportamentos inadequados, seja um perito em fazer seus filhos refletirem. As velhas broncas e os conhecidos sermões definitivamente não funcionam, só desgastam a relação.

• Educar não é repetir palavras, é criar idéias, é encantar.

• Pais brilhantes conhecem o funcionamento da mente para educar melhor. Eles têm consciência de que precisam ganhar primeiro o território da emoção , para depois ganhar o anfiteatro dos pensamentos e, em ultimo lugar, conquistar os solos conscientes e inconscientes da memória, que é a caixa de segredos da personalidade. Eles surpreendem a emoção com gestos impares. Deste modo, geram fantásticos momentos educacionais.

• Surpreender os filhos é dizer coisas que eles não esperam, e agir de modo diferente diante dos seus erros, superar as suas expectativas.

• Se você educa a inteligência emocional dos seus filhos com elogios quando eles esperam uma bronca, com um encorajamento quando eles esperam uma reação agressiva, com uma atitude afetuosa quando eles esperam um ataque de raiva, eles se encantaram e registraram você com grandeza. Os pais se tornarão assim agentes de mudança.

• Bons pais dizem aos filhos: “ Você está errado.” Pais brilhantes dizem: “O que você acha do seu comportamento?” Bons pais dizem: “ Você falhou de novo.” Pais brilhantes dizem : “ Pense antes de reagir.” Bons pais punem quando os filhos fracassam; pais brilhantes os estimulam a fazer de cada lágrima uma oportunidade de crescimento.

• Uma das coisas mais importantes na educação é levar um filho a admirar seu educador. Um pai pode ser um trabalhador braçal, mas, se encanta seu filho, será grande dentro dele. Um pai pode ser grande no meio empresarial, ter milhares de funcionários, mas, se não encantar seu filho, será pequeno em sua alma.

Trechos do livro “Pais brilhantes, professores fascinantes” de Augusto Cury

SUGESTÃO DE ATIVIDADES PARA A SEMANA DO DIA DOS PAIS

Extraído do Brincando e Educando

– Converse sobre o pai das crianças:Seu nome,profissão,atividades que a criança realiza com ele e suas características físicas.

– Sugira que as crianças entrevistem os pais.Elas podem perguntar qual é o esporte preferido deles,o prato que mais gostam,qual o lazer favorito e que revistas ou jornais eles lêem.

– Promova dramatizações da profissão dos pais.As crianças podem também realizar pantomimas representando o pai triste,zangado ou alegre.

-As crianças podem trazer de casa peças de roupa do papai:Camisa,gravata,sapato,ect para montarem um teatrinho.

– Explore canções,poemas e livros que falam da figura paterna.

– Estimule as crianças a desenharem seus pais ou famíias.

– Incentive-as a confeccionarem lembrancinhas para presentear os pais,como marcadores de página,em que as crianças desenham e escrevem o que quiserem.Pode-se também,colocar uma foto da criança nele.

– Durante a semana dedicada ao Papai:Trabalhar a figura humana,Orar ou rezar pelos Papais da escola,cantar,recitar e fazer atividades de recorte,modelagem ,desenho livre ou pintura,ligados ao tema.

Dicas para os papais


VISEIRA FEITA EM EVA

Para o meu papai querido
Um presente fui comprar
Mas na loja não havia
Todo amor que quero dar…
Esculte Papai do Céu
O pedido que lhe fiz,
Ao meu papai dê saúde
E uma vida feliz!


Plaquinha para porta:Papai o número 1!!!

Pode ser feita em papel cartão ou EVA.
Deixe que as crianças dêem um toque final nela,colando,aplicando alguns detalhes.Eles irão gostar!


Faça um quadro bem diferente com as fotos preferidas do papai

Este foi todo confeccionado em EVA, detalhes de botões de roupa e todo costuradinho.
A professora pode recortar várias partes bem coloridas e cada aluno escolhe como quer montar o seu.
Peça que tragam cópias menores das fotos de família, assim podem cortá-las para adaptarem melhor ao tamanho do quadrinho.

Um presentão para o dia dos pais!

LEMBRANÇAS PARA O PAPAI

Extraído da Oficina de Criatividade

Pode ser feito com caixinha de leite e dentro colocar a lembrancinha.

MOLDE

PORTA SURPRESA COM GARRAFA PET

MOLDE

CARTÕES

CARTÃO QUE JÁ É UM PRESENTE