Projeto desenvolvido pelo CIEC de Bebedouro com o livro Menina Flor

Agradecimento Cybee Meyer

Vejam só se não é um carinho sem tamanho!

O Centro Integrado de Educação e Cultura de Bebedouro – CIEC desenvolveu durante o primeiro semestre um Projeto baseado no meu livro Menina Flor.

Como finalização, os alunos e professoras escreveram e me enviaram cartas contando sobre a experiência vivida com o Projeto e também comentando sobre o livro e algumas passagens que lhes foram significativas.

Quando recebi as cartas pelo correio fiquei apaixonada primeiramente pelo capricho da decoração da caixa onde as cartas estavam guardadas.

Vejam se não é para ficar encantada!

Caixa cartas Cybele Meyer

Ao abrir a caixa e me deparar com as cartas, todas com seus envelopes lindamente decorados, já fiquei emocionada. Então comecei a ler a carta da Professora Érika e em seguida a da Professora Jane e me emocionei imensamente a ponto de precisar compartilhar todo aquele sentimento com o Professor Dito, Diretor do CIEC de Bebedouro.

Cartas para Cybele Meyer

Li todas as cartas e foi muito gratificante poder saber o quanto a história da Menina Flor foi significativa para cada um dos leitores.

As palavras são muito restritas para expressar toda a minha alegria.

Portanto, só posso dizer MUITO OBRIGADA a cada um de vocês.

Quero deixar registrado aqui no blog e também compartilhar com todos os meus leitores todas as ações que foram registradas durante a realização do Projeto desenvolvido usando o livro Menina Flor.

CIEC 1 Cybele MeyerCIEC 2 Cybele Meyer CIEC 3 Cybele Meyer CIEC 4 Cybele MeyerCIEC 5 Cybele Meyer CIEC 6 Cybele Meyer CIEC 7 Cybele Meyer CIEC 8 Cybele Meyer CIEC 9 Cybele Meyer CIEC 10 Cybele Meyer CIEC 11 Cybele Meyer CIEC 12 Cybele Meyer CIEC 13 Cybele Meyer CIEC 14 Cybele Meyer

Fundação Lemann e Itaú BBA destinam R$ 1 milhão para financiamento de pesquisas educacionais

Pesquisadores de diferentes áreas são desafiados a propor projetos que respondam à questão: “Como garantir que todos os alunos brasileiros tenham um bom professor todos os dias na sala de aula?”

A Fundação Lemann e o Itaú BBA lançam novo edital de pesquisas para fomentar estudos de qualidade, que possam embasar políticas e iniciativas em educação. Os projetos devem responder ou trazer elementos que ajudem a responder a pergunta: “Como garantir que todos os alunos brasileiros tenham um bom professor todos os dias na sala de aula?“.

Será disponibilizado o valor total de R$1 milhão para financiar de dois a cinco projetos, a depender das propostas recebidas. As propostas poderão ser enviadas até às 18 horas do dia 17 de maio de 2013 para o e-mail edital@fundacaolemann.org.br de acordo com as especificações apresentadas no edital.

Os projetos deverão combinar alto rigor metodológico e aplicabilidade prática, resultando em pesquisas com conclusões e orientações de políticas que se atentem à realidade institucional, aos desafios, riscos e oportunidades de implementação.

A iniciativa do edital nasce da constatação de que embora sejam feitos cada vez mais estudos sobre políticas educacionais, são raras as pesquisas que se destacam tanto pelo uso de metodologias rigorosas como pela compreensão aprofundada da realidade educacional. Também é possível identificar espaço para pesquisas mais inovadoras, que discutam desafios já conhecidos da educação sob novas perspectivas.

Fazem parte do conselho examinador: David Plank, Joane Vilela, Marcos Rangel, Paula Louzano, Priscila Cruz, Regina Scarpa, Reynaldo Fernandes e Ruben Klein.

Para orientar os projetos, são sugeridas as seguintes linhas de pesquisa:

• Carreira Docente: legislação, formação inicial, formação em serviço, formação continuada, estágio probatório, certificação, remuneração, absenteísmo docente e rotatividade;

• Condições de trabalho e clima escolar: carga horária docente, absenteísmo discente, violência nas escolas, funções do professor substituto, gestão escolar, inter-relações entre a equipe escolar, currículo, soluções inovadoras que auxiliam o professor em sala de aula;

• Seleção e alocação de professores: cursos de formação, requisitos para a docência, concursos e seleção de docentes, alocação de professores e atratividade da carreira;

• Qualidade do professor: prática docente, didáticas específicas, avaliação docente, acompanhamento externo, acompanhamento da aprendizagem do aluno.

Os resultados serão divulgados no site da Fundação Lemann (www.fundacaolemann.org.br) até 31 de julho de 2013.

 

Você sabia que reciclar é show? #ReciclarEShowTang

Você sabe reciclar?

Você sabia que reciclar é show?

A Tang (marca de refrescos em pó da Mondelez Brasil) acaba de lançar um programa que une reciclagem e música. O projeto incentiva a doação de materiais recicláveis para a instituição que transformará em instrumentos musicais e realizará workshops de música para crianças de 8 a 12 anos de mais de 100 escolas públicas.

Veja alguns dos instrumentos:

Leia algumas reportagens e veja a repercussão do Projeto:

http://is.gd/6rDzZm

http://is.gd/AQceHK

http://is.gd/Cu2nYf

http://is.gd/yFFwki

Então, mãos à obra! Vamos mostrar que Reciclar é Show!

Ah! Não esqueça de divulgar na sua escola.

Projeto Livro de Cabeceira #ColegioEscala

Na semana passada, dia 25 de abril, fui convidada para participar do PROJETO “LIVRO DE CABECEIRA” desenvolvido pelo Colégio Escala da cidade de Indaiatuba-SP com os 6ºs anos do Ensino Fundamental.

Minha conversa com os alunos pode ser acessada através do vídeo abaixo.

Os alunos muito participativos e interessados enriqueceram o encontro.

Ao final autografei os exemplares do Livro Menina Flor que integra o Projeto “Livro de Cabeceira”.

Agradeço a todos os alunos pelo acolhimento, aos professores e Maria Rosângela Silva, Diretora do Colégio Escala, pelo convite e pelo carinho.

Adorei!

Projeto Menina Flor em Indaiatuba

Nesta sexta-feira, dia 25 de novembro, tive o privilégio de estar presente em mais uma finalização de Projeto que teve como pano de fundo o meu livro Menina Flor.

Foi uma manhã deliciosa o qual fui recebida pelos alunos do 3º ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Wellington Lombardi Soares,  pela Professora Lúcia Meyer e pela Gestora Claudia de Almeida Maia.

Os alunos iniciaram com esta linda canção:

 

Houve a releitura da história que aborda temas como sustentabilidade, diversidade, valores e construção de identidade.

Também foi realizado um concurso de selos representando a Menina Flor simbolizando a entrega das cartas que recebi sobre a Menina Flor e suas histórias.

Foram premiados, através de votação que envolveu todos os alunos e professores da escola, os três primeiros colocados.

Muitos registros foram realizados. Veja abaixo:

Foi emocionante e inesquecível.

Agradeço de coração estes momentos incríveis que passei junto com todos vocês.

abraços

Cybele Meyer

Projeto Menina Flor #livro

O Projeto Menina Flor com base no meu livro lançado na XXI Bienal Internacional de São Paulo em 2010 foi desenvolvido pelo Centro Integrado de Educação e Cultura – CIEC em Bebedouro, da Educação Infantil até o 7º ano com apresentações maravilhosas que pude comprovar pessoalmente em razão do convite recebido.

Nesta noite emoção foi imensa em razão das incansáveis demonstrações de carinho, de receptividade, de empenho, de profissionalismo, de criatividade, enfim de amor ao ato de ensinar.

O salão estava caprichadamente decorado com flores homenageando a Menina Flor. O meu lugar, lindamente decorado e em destaque, para que pudesse apreciar todas as apresentações.

A sustentabilidade foi trabalhada na prática em toda a Educação Infantil abordando vários conceitos sustentáveis, inclusive o cuidado no cultivo da terra tendo sua culminância num lindo desfile de jardineiros e Violetas.

As crianças foram à floricultura para conhecerem de perto a Petúnia e o Amor-Perfeito e trabalharam valores abordando alguns pontos da história com diferentes materiais. Também fizeram a réplica do livro dando destaque à Menina Flor usando somente material reciclável. Eles conheciam a fundo os episódios pela qual a Menina Flor passou.

Os alunos, nas aulas de Artes trabalharam as obras do Artista Plástico Romero Brito.

Usando a mesma técnica os alunos realizaram pinturas retratando a Menina Flor utilizando como tela as embalagens de pizza.

Vejam como ficou verdadeiras obras de arte!

Os alunos do 7º ano escreveram e encenaram uma peça teatral abordando o respeito à diversidade, um dos focos do livro Menina Flor. Representaram profissionais da limpeza pública trabalhando, e as pessoas passando por elas como se não houvesse nada e nem ninguém ali. No final voltam os mesmos personagens só que com atitudes diferentes cumprimentando e respeitando as pessoas que desempenham papel tão importante na nossa sociedade. Deixaram uma bela mensagem para todos nós.

Várias poesias foram compostas e declamadas pelos alunos do Fundamental II sobre o livro Menina Flor.

Eu poderia escolher algumas e publicar aqui, porém não quero ser injusta com nenhum dos compositores ressaltando uma e não mencionando a outra. Assim sendo, publico a foto de todas as poesias num slideshare no final da postagem, montado especialmente para homenagear estes artistas que, com tanto amor, homenagearam a Menina Flor.

Ao final foi apresentado um belíssimo coral formado pelas crianças que desenvolveram o Projeto Menina Flor, regidos pela Maestrina Ester, que emocionou a todos os presentes.

Após a apresentação eu e Ester ficamos entre os participantes para registrar este momento tão especial.

Quero parabenizar os professores do Centro Integrado de Educação e Cultura – CIEC de Bebedouro pelo profissionalismo e comprometimento com a Educação. Foi uma experiência muito rica estar com vocês e poder desfrutar dos resultados de trabalho tão bem desempenhado.

A Educação precisa realmente de pessoas como vocês.

Aos alunos do Centro Integrado de Educação e Cultura – CIEC os meus Parabéns e quero deixar registrado aqui que fiquei muito feliz por conhecê-los e que agora os admiro muito.

Como o livro Menina Flor foi adotado na Educação Infantil bem como no Fundamental I e II até o 7º ano, ao final das apresentações autografei cada um dos exemplares. Foi maravilhoso!

Meu agradecimento super especial ao Diretor do Centro Integrado de Educação e Cultura – CIEC Benedito Guariglia, pois  sem ele nada disso teria sido possível. Aproveito para parabenizá-lo pelo importante trabalho desempenhado na Educação junto ao Centro Integrado de Educação e Cultura – CIEC e Instituto Advance formando verdadeiros cidadãos.

Veja as fotos  do evento

 

Apresentação1 

View more presentations from Cybele Meyer.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER AS POESIAS