Tetra Pak promove troca de embalagens pós-consumo por telhas no Rio de Janeiro

Ação faz parte do projeto “Arquiteto de Família”, realizado em parceria com a Ong Soluções Urbanas

Com o objetivo de promover a coleta seletiva no Rio de Janeiro a Tetra Pak doará 200 telhas produzidas com embalagens longa vida reciclada para o projeto “Arquiteto de Família”. O material será oferecido aos moradores do Morro Vital Brazil, no Rio de Janeiro, durante a Feira de Trocas Solidárias, que acontece mensalmente em parceria com a ONG Soluções Urbanas, o Instituto Vital Brazil e a Leroy Merlin.

Para adquirir as telhas, as famílias da região podem trocar embalagens longa vida pós-consumo pela moeda social “trocado vital”. Cada quatro embalagens (caixinhas de leite, molho de tomate, suco, leite condensado e outros) equivalem a um trocado vital e a telha vale cinco trocados. O principal objetivo é permitir que as famílias atendidas tenham acesso a um material de qualidade, sem uso do dinheiro e, com isso, possam fazer as melhorias propostas pelo projeto.

De acordo com Fernando Von Zuben, Diretor de Meio Ambiente da Tetra Pak, além de mais leves do que as comuns (amianto ou fibrocimento), as telhas produzidas a partir da reciclagem das embalagens longa vida também oferecem melhor conforto térmico, já que reduzem em 30% a passagem de calor. “Ao mesmo tempo em que apoiamos a melhoria habitacional, promovemos a consciência ambiental da população e fomentamos a coleta seletiva e a reciclagem”, afirma Fernando.

A troca das embalagens da Tetra Pak por “trocado vital” acontece desde setembro de 2011. Todo material recolhido é enviado à empresa Recicoleta, que transforma embalagens em telhas ecológicas.

Desde o início da ação já foram arrecadadas mais de 20 mil embalagens na Feira de Trocas Solidárias.

O que você achou desta iniciativa? Se gostou deixe aqui a sua opinião. Ela é muito importante e servirá de incentivo para outras ações similares.